sicnot

Perfil

Mundo

Pelo menos nove mortos em ataque a autocarro da ONU na Somália

Um ataque esta manhã a uma coluna das Nações Unidas na Somália fez pelo menos nove mortos, dois quenianos e sete guardas somalis. Os funcionários da ONU seguiam num autocarro que terá explodido à entrada de uma base da organização na cidade de Garowe, no norte do país.

De acordo com as autoridades, o complexo da ONU não foi atingido. 

O atentado foi reivindicado pelo Al Shabaab, o grupo jihadista que luta para impôr um estado islâmico no país e que, ontem, num ataque a uma coluna da Missão da União Africana na Somália, matou 13 soldados do Burundi. 

O representante da ONU na Somália, Nicholas Kay, condenou entretanto o ataque de hoje. Na rede social Twitter escreveu estar profundamente chocado e consternado com estas mortes.

  • Cágado tratado com implante impresso em 3D
    2:26
  • Patrões não aceitam alterações ao acordo de concertação social
    2:25

    Economia

    As confederações patronais foram esta sexta-feira ao Palácio de Belém dizer ao Presidente da República que não aceitam que o Parlamento faça alterações ao acordo de concertação social. Os patrões dizem ainda ter esperança que o Parlamento não chumbe o decreto-lei que reduz a TSU das empresas com salários mínimos.