sicnot

Perfil

Mundo

PM sul-coreano apresenta demissão por suspeita de corrupção

O primeiro-ministro sul-coreano, Lee Wan-koo, apresentou hoje a sua demissão, na sequência de suspeitas de que terá aceitado um suborno de um empresário, num caso tido como um dos maiores escândalos políticos da história recente do país.

KIM CHUL-SOO/ EPA

Lee Wan-koo colocou o cargo à disposição da Presidente sul-coreana, Park Geun-hye, segundo informou a televisão KBS.

 

Contudo, a chefe de Estado da Coreia do Sul encontra-se atualmente de visita à América Latina, pelo que apenas decide se aceita a resignação quando regressar a Seul, no próximo dia 27.

 

Lee Wan-koo, primeiro-ministro há apenas dois meses, que recentemente declarou "guerra total à corrupção", negou as acusações, mas a oposição exigiu a sua renúncia.


Lusa

  • Tragédia no ferry na Coreia do Sul foi há um ano
    1:42

    Mundo

    Faz amanhã um ano que se afundou o ferry na Coreia do Sul, com 476 pessoas a bordo. Morreram mais de trezentas, a maioria eram alunos de um só liceu. As famílias dos jovens que morreram no acidente têm participado em várias cerimónias que assinalam a data e relembram as vítimas.

  • TAP recruta mais assistentes de bordo
    2:40

    Economia

    A TAP assegura que, ainda durante o mês de outubro, os problemas com falta de tripulação vão terminar. Até ao final do ano, vão ser contratados novos assistentes de bordo. Ainda assim, o sindicato diz que não chega.

  • "Facilitámos muito no lance do 5-1 e não pode ser"
    1:09

    Desporto

    No final do jogo, o treinador do Desportivo de Chaves, Luís Castro, admitiu o domínio completo do Sporting durante todo o encontro. Já Jorge Jesus deixou elogios a Daniel Podence, que foi aposta para este jogo. O treinador do Sporting ficou satisfeito com a exibição mas não gostou de sofrer o golo de honra da equipa flaviense.