sicnot

Perfil

Mundo

Barack Obama alerta para os perigos das alterações climáticas

O Presidente dos EUA, Barack Obama, disse hoje que as alterações climáticas "não podem ser negadas", durante uma visita ao Parque Nacional das Everglades, na Flórida, iniciativa que visa elevar a consciência dos perigos associados a estas mudanças.

© Jonathan Ernst / Reuters

Obama passou o Dia da Terra nesta imensidão subtropical para reforçar os avisos de que um planeta mais quente significa "tempestades mais fortes" e "secas mais intensas", que ameaçam tanto a economia como os ecossistemas. 

"As alterações climáticas já não podem ser negadas. Não podem ser maquilhadas. Não podem ser omitidas das conversas", disse Obama, quando se aproxima um período crucial para determinar o que vai ser o leu legado ambiental. 

Enquanto defendia que os parques nacionais têm de ser protegidos para as suas filhas e as futuras gerações, Obama também sublinhou que as alterações climáticas estão a ter um impacto económico. 

A subida do nível do mar nas Everglades ameaça a indústria do turismo no Estado da Florida, quantificada em 82 mil milhões de dólares (76 mil milhões de euros), adiantando que cada dólar dos contribuintes investido nos parques nacionais gera um retorno de dez dólares para o conjunto da economia. 

Muitos dos seus adversários republicanos apontam o custo económico do combate às alterações climáticas como uma razão para o seu ceticismo com estas.

Obama solicitou aos seus adversários que assumissem uma abordagem comum com os democratas, exemplificando com os Presidentes republicanos Theodore Roosevelt e Richard Nixon, uma vez que aquele protegeu a agência dos Parques Naturais e este criou a da Proteção Ambiental. 

Em dezembro, a Organização das Nações Unidas vai organizar em Paris uma cimeira da qual se espera que resulte um acordo vinculativo para reduzir a emissão dos gases com efeito de estufa. 



Lusa
  • Nove dos 50 feridos que continuam hospitalizados estão em estado crítico
    3:46

    Ataque em Barcelona

    Os quatro indivíduos implicados nos atentados de Barcelona e Cambrils prestam hoje declarações ao juiz Fernando Andreu, na Audiência Nacional, em Madrid. O enviado especial da SIC, Emanuel Nunes, dá conta do ambiente que se vive em Barcelona esta manhã e faz uma atualização em relação aos feridos no atentado na capital catalã. Cinquenta pessoas continuam hospitalizadas, 9 em estado considerado crítico e 13 em estado grave.

  • Ilibados trabalhadores castigados por consulta de dados fiscais

    País

    Os funcionários da Autoridade Tributária, que tinham sido castigados por terem consultado dados fiscais, foram absolvidos. O jornal Público avançou hoje que as orientações contra as sanções a aplicar aos funcionários partiram do ex-secretário de Estado dos Assuntos Fiscais, Rocha Andrade.

  • Novas regras para os pagamentos em dinheiro vivo

    Economia

    Os pagamentos em dinheiro acima de 3.000 euros são proibidos a partir de quarta-feira, mas aos não residentes são permitidos pagamentos até 10 mil euros, ou o equivalente em moeda estrangeira, segundo um diploma hoje publicado.

  • Brasileiros procuram Portugal
    3:59

    País

    Viver em Portugal é hoje em dia um grande sonho da classe média brasileira. De acordo com o Ministério dos Negócios Estrangeiros, só em 2016, o número de vistos de residência aumentarem em mais de 30%. A língua, a segurança e a qualidade de vida são as razões apontadas para a mudança. Todos os dias, no consulado português no Rio de Janeiro, para a obtenção de vistos.

  • Repórteres fazem relato impressionante dos acontecimentos em Charlottesville
    3:40