sicnot

Perfil

Mundo

Comissões Europeia e da União Africana reúnem-se hoje com Mediterrâneo na agenda

A Comissão Europeia e a Comissão da União Africana celebram hoje, em Bruxelas, a tradicional reunião anual entre os dois executivos, com a situação no Mediterrâneo a dominar as atenções, face às centenas de imigrantes mortos nos últimos naufrágios. 

© Stringer . / Reuters

Um dia antes de uma cimeira extraordinária de chefes de Estado e de Governo da UE convocada para Bruxelas na sequência do naufrágio do passado fim-de-semana que provocou cerca de 800 mortos, os "executivos" da União Europeia e da União Africana encontram-se pela primeira vez desde que a Comissão Europeia liderada por Jean-Claude Juncker tomou posse, com a questão das migrações a dominar inevitavelmente a agenda.

A agenda do encontro contempla os mais diversos temas, como a agenda para a cooperação pós-2015, as negociações sobre alterações climáticas, cooperação no combate ao extremismo violento na Somália, Sahel e do grupo Boko Haram na Nigéria e países vizinhos, e investimento na inovação, mas as atenções estão naturalmente centradas agora na questão das migrações, face aos sucessivos naufrágios no Mediterrâneo nos últimos dias, que a UE quer enfrentar de forma decidida, com o apoio dos seus parceiros.

"No contexto da crise em curso na Líbia e da situação dramática no Mediterrâneo, temos que intensificar a cooperação com os países do norte de África e da África subsaariana, para construir capacidades de gestão de migração e fronteiras, com o apoio de organizações internacionais já ativas no terreno", comentou Jean-Claude Juncker, antecipando a reunião de hoje.


Lusa
  • "Só numa ditadura é possível tentar esconder o número de vítimas"
    0:51

    Tragédia em Pedrógão Grande

    O primeiro-ministro diz que é "lamentável" a tentativa de aproveitamento político à volta dos incêndios. António Costa esteve esta quarta-feira à tarde na Autoridade Nacional de Proteção Civil e, no final do briefing, disse que é preciso confiança nas instituições do Estado. O primeiro-ministro deixou ainda muitas críticas à oposição no caso da lista de vítimas de Pedrógão Grande.

  • Sociedade de Pneumologia recomenda cuidados com calor e incêndios

    País

    A Sociedade Portuguesa de Pneumologia (SPP) alertou esta quarta-feira para os riscos respiratórios decorrentes dos incêndios e temperaturas elevadas, sobretudo para quem sofre de doenças crónicas, propondo medidas preventivas e recordando o aumento de mortalidade associado ao calor.

  • E os 10 mais ricos de Portugal são...

    Economia

    A família Amorim lidera a lista dos mais ricos do país, com uma fortuna avaliada em 3840 milhões de euros. Em segundo lugar surge Alexandre Soares dos Santos com 2532 milhões de euros. A família Guimarães de Mello ainda entra para o top 3, com um valor de 1471 milhões de euros. A lista foi elaborada pela revista EXAME, que conclui que os ricos estão ainda mais ricos, pela quarta vez consecutiva.

    Bárbara Ferreira

  • "Estou grávida! Estou a morrer!"
    1:14
  • Mulher vive sozinha numa ilha há 40 anos

    Mundo

    Zoe Lucas é a única pessoa a viver numa ilha canadiana, no norte do Atlântico. Nas últimas quatro décadas, a mulher de 67 tem partilhado a ilha Sable com cerca de 400 cavalos selvagens e 350 espécies de pássaros.