sicnot

Perfil

Mundo

Passageiros abandonam avião da Air Macau por falta de segurança

Os 175 passageiros de um voo da Air Macau, entre Banguecoque e Macau, abandonaram o avião, depois de a aeronave ter voltado para trás uma hora após ter iniciado o percurso, considerando a viagem insegura.

© Athit Perawongmetha / Reuters

O incidente aconteceu na terça-feira, sendo hoje noticiado pela emissora pública da Tailândia, Thai PBS, que cita relatos dos passageiros do NX885, com a transportadora a apontar, em declarações à agência Lusa, "motivos técnicos". 

Segundo a emissora tailandesa, o avião partiu de Banguecoque, com destino a Macau, mas ao fim de uma hora regressou ao aeroporto de Suvarnabhumi. Os passageiros dizem ter ficado dentro da aeronave durante duas horas e descrevem diferentes justificações apresentadas pelas hospedeiras, entre más condições atmosféricas e a necessidade de reabastecer o avião.

Ao fim destas duas horas, foi emitido um aviso de que o avião ia voltar a descolar, o que causou um "breve caos a bordo", descreve a Thai PBS.

Os 175 passageiros recusaram-se a voar, dizendo terem sentido insegurança durante a primeira hora de voo.

De acordo com a Thai PBS, vários passageiros descreveram que o avião voou a baixa altitude durante quase uma hora, "mesmo acima dos telhados". Um passageiro assegurou também que ouviu um constante ruído do motor e que o avião abanou frequentemente.

A emissora cita um responsável da Air Macau Bangkok a admitir uma falha no motor, que implicou a substituição de uma peça.

À Lusa, a Air Macau disse apenas que o voo regressou a Banguecoque devido a "motivos técnicos" e que o avião foi hoje reparado.


Lusa

  • Fuzileiros continuam no terreno a ajudar população
    3:03
  • Família Obama de férias na Indonésia

    Mundo

    Das águas claras de Bali aos encantos dos templos de Java, o antigo Presidente norte-americano Barack Obama levou a esposa e as filhas de férias numa aventura de (re)descobertas por um país onde Obama viveu durante quatro anos da sua infância.

    SIC

  • NotPetya: Lourenço Medeiros explica o novo ciberataque global
    2:44
  • Desacatos no aeroporto de Faro deixam turistas britânicos em terra
    1:46

    País

    Cinco pessoas, que integravam o grupo de turistas britânicos que nos últimos dias causou desacatos em Albufeira, foram ontem impedidas de regressar a Inglaterra. Agressões no aeroporto e desacatos à entrada do avião levaram os comandantes de dois voos a recusar levar aqueles passageiros.