sicnot

Perfil

Mundo

Turquia interdita espaço aéreo a líder sérvio bósnio que viajava para a Arménia

O avião do presidente da entidade sérvia da Bósnia, Milorad Dodik, que se dirigia à Arménia para as celebrações do centenário do genocídio, foi hoje impedido de sobrevoar território da Turquia. 

© Ranko Cukovic / Reuters

Segundo a página digital do diário bósnio Nezavisne Novine, o avião de Dodik aguardou pela autorização turca durante várias horas no aeroporto de Burgas, na Bulgária, mas acabou por regressar a Banja Luka, noroeste da Bósnia-Herzegovina. 

O mesmo diário assegura que o avião tinha recebido previamente as autorizações necessárias, mas as autoridades turcas acabaram por não autorizar que o voo sobrevoasse o seu território. 

Dodik viajava em direção a Erevan a convite do Presidente arménio, Serge Sargasián, para assistir às cerimónias que assinalam o genocídio de cerca de 1,5 milhões de arménios na fase final do Império otomano e durante a I Guerra Mundial.  

Ancara reconhece a morte de milhares de arménios, mas rejeita ter-se tratado de um ato organizado e planificado destinado ao extermínio desta comunidade cristã.  

A Bósnia-Herzegovina está dividida em duas entidades, a Federação croato-muçulmana e a Republica Srpska (RS), liderada por Dodik. 

Lusa
  • "Toda a transparência" para os "amigos portugueses"
    0:54
  • Turistas à volta da Lua em 2018
    1:21
  • Bastidores do sambódromo: um espétaculo à parte
    3:22

    Mundo

    Por detrás da alegria do desfile das escolas de samba, há a tensão e a adrenalina dos bastidores do sambódromo. A preparação antes da entrada na avenida é um espetáculo à parte como mostra a correspondente da SIC, no Rio de Janeiro, Ivani Flora

    Correspondente SIC

  • SIC revela relatório que provava falência do GES
    2:06