sicnot

Perfil

Mundo

Julgamento de acidente com autocarro de adeptos polacos em Lisboa tem hoje alegações finais

As alegações finais do julgamento do motorista do autocarro com adeptos de futebol do Legia de Varsóvia que, em 2012, embateu numa viatura ligeira, de que resultou a morte do condutor do automóvel, estão marcadas para hoje em Lisboa.

© Chip East / Reuters

Os factos ocorreram cerca das 00:10 de 24 de fevereiro de 2012, quando o autocarro que transportava adeptos do clube polaco Legia de Varsóvia, após um jogo com o Sporting para a Liga Europa, chocou frontalmente num automóvel, na Avenida Fontes Pereira de Melo, em Lisboa.

O motorista do autocarro, hoje com 48 anos e único arguido no processo, está acusado pelo Ministério Público (MP)de um crime de homicídio por negligência e de duas contraordenações, uma muito grave.

O MP proferiu despacho de arquivamento quanto ao antigo comandante metropolitano de Lisboa da PSP e dois agentes policiais, responsáveis pela escolta policial desde o Estádio Alvalade XXI até ao Aeroporto de Lisboa, e deduziu acusação contra o motorista.

"O acidente ficou a dever-se exclusivamente à condução do arguido, que, porque pretendia juntar-se aos outros veículos da coluna que já tinham passado o cruzamento, não respeitou a sinalização semafórica que se encontrava de cor vermelha (...), porque imprimia uma velocidade superior ao permitido por lei e sem antes se ter certificado, como lhe era possível e exigível, que não colocava em perigo os outros utentes da via e causar um acidente, como veio a acontecer", diz a acusação do MP, a que a agência Lusa teve acesso.

Para o MP, o motorista conduzia o autocarro "sem a atenção e o cuidado necessários a uma circulação prudente", tendo desrespeitado o sinal vermelho e seguido a uma velocidade não inferior a 55 quilómetros/hora.

O início das alegações finais está agendado para as 15:00 na Instância Criminal Local, Juiz 1, no campus da Justiça.


Lusa

  • Marcelo na peregrinação de Nossa Senhora de Fátima no Luxemburgo

    Mundo

    O Presidente da República participou esta quinta-feira, a título privado, na peregrinação em honra de Nossa Senhora de Fátima, na cidade luxemburguesa de Wiltz. Milhares de portugueses receberam Marcelo Rebelo de Sousa, que assistiu à missa e, durante alguns minutos, participou na procissão.

  • Trump empurra líder do Montenegro para ficar à frente na fotografia

    Mundo

    A reunião de líderes dos Estados-membros da NATO, que decorreu esta quinta-feira em Bruxelas, na Bélgica, ficou marcada por um momento insólito em que o Presidente norte-americano não quis abdicar de ficar no melhor plano possível nas fotografias de grupo. Nem que para isso tenha sido necessário empurar o líder de outro país.

  • Porque é que Melania e Ivanka vestiram preto para conhecer o Papa

    Mundo

    Melania e Ivanka chegaram ao Vaticano de preto, uma escolha muito questionada. De vestidos longos e véus, as mulheres Trump seguiram assim o dress code aconselhado nas audiências com o Papa. Também Michelle Obama usou uma vestimenta do género, em 2009, quando visitou Bento XVI.