sicnot

Perfil

Mundo

Piratas informáticos russos entraram nos sistemas do Pentágono

Piratas informáticos russos conseguiram aceder a uma rede de computadores não classificados do Departamento de Defesa dos Estados Unidos (Pentágono) no início deste ano, afirmou esta quinta-feira o secretário de Defesa, Ashton Carter.

Uma perspetiva aérea sobre o Pentágono. (Arquivo)

Uma perspetiva aérea sobre o Pentágono. (Arquivo)

© Jason Reed / Reuters

De acordo com o mesmo responsável, que falava numa universidade na Califórnia sobre tecnologia e cibersegurança, o incidente foi "rapidamente identificado" e as equipas de investigação seguiram o rasto dos piratas em 24 horas.

O Pentágono analisou "a atividade da rede, associada à Rússia, e rapidamente foram expulsos" da rede, afirmou.

Em março, o responsável pela Agência de Segurança Nacional, Michael Rogers, tinha já dito que a Rússia estava a fazer uma demonstração de força na área da cibersegurança por causa da situação na Crimeia e na Ucrânia.

Lusa
  • Passos elogia escolha de Paulo Macedo mas diz que não é suficiente
    1:47

    Caso CGD

    Pedro Passos Coelho diz que Paulo Macedo é competente para liderar os destinos da Caixa Geral de Depósitos, mas que a nomeação do antigo ministro não é suficiente para passar uma esponja sobre o assunto. Em Viseu, o líder do PSD não quis ainda avançar com um nome para a Câmara de Lisboa, depois de Santana Lopes afastar a hipótese de se candidatar.

  • O impacto e as consequências do referendo em Itália
    1:02
  • O novo coala do zoo de Lisboa
    3:10

    País

    A SIC acompanhou em exclusivo a transferência de uma coala da Alemanha para o Zoo de Lisboa. O animal veio de avião e foi batizado pelos passageiros que seguiam a bordo. Ficou com o nome de Goolara. O coala é uma fêmea, com quase dois anos, e veio para aumentar a família da mesma espécie em Portugal.

  • Jovens do exército russo aderem ao Desafio do Manequim
    1:01

    Mundo

    Na Rússia, o grupo de jovens do exército também já aderiu ao famoso Mannequin Challenge. O vídeo foi divulgado pelo Ministério da Defesa russo. O objetivo é mostrar o dia-a-dia do chamado exército de jovens, cuja principal missão passa por sensibilizar os russos para a necessidade de cumprir o serviço militar obrigatório.