sicnot

Perfil

Mundo

Parlamento Europeu obriga novos carros a ter sistema que liga ao 112 em caso de acidente

O Parlamento Europeu aprovou hoje a obrigação de os novos modelos de automóveis ligeiros estarem equipados com um sistema de emergência que ligue diretamente ao 112 em caso de acidente para reduzir a mortalidade nas estradas. 

Arquivo SIC

Depois de este regulamento já ter sido acordado entre o Parlamento Europeu e os governos nacionais, o texto hoje aprovado estabelece os requisitos gerais para o designado sistema 'eCall', que tem de estar instalado em todos os novos modelos de veículos ligeiros de passageiros e comerciais à venda na União Europeia a partir de 31 de março de 2018.

Com este sistema, em caso de acidente há uma ligação direta para o serviço de emergência europeu 112, informando da localização do veículo. O objetivo é que ao acelerar os tempos de resposta dos serviços de emergência se reduza a mortalidade na estrada.

No ano passado, cerca de 25.700 pessoas morreram estradas europeias, enquanto mais de 200 mil ficaram gravemente feridas.

Os eurodeputados introduziram ainda no regulamento salvaguardas à privacidade e proteção de dados, impedindo, por exemplo, que em situações normais os veículos não sejam sujeitos a localização e que os construtores de automóveis assegurem que "os dados sejam removidos de forma automática e contínua".

Inicialmente, o sistema 'eCall' irá ser obrigatório apenas nos automóveis de passageiros e veículos comerciais ligeiros. O alargamento a outros veículos irá ser avaliado pela Comissão Europeia até 2021.

O eurodeputado do PSD Carlos Coelho, relator sombra do relatório sobre o 'eCall', congratulou-se com a aprovação deste regulamento, que já vinha sendo trabalhado desde 2003, e considerou que a introdução obrigatória "irá melhorar o panorama da segurança rodoviária e proteção civil".

Lembrou ainda o deputado que o regulamento aprovado pelo Parlamento Europeu protege os dados pessoais dos cidadãos, um dos pontos que provocou maior debate entre o Conselho e a Comissão Europeia durante os trabalhos.


Lusa

  • Opinião

    Este texto é sobre o bom senso. O bom senso que faltou a Passos Coelho quando, esta manhã, depois de uma visita pelas áreas ardidas de Pedrógão Grande, decidiu falar em suicídios. Passos não se referiu a tentativas, mas sim a atos consumados. Deu certezas. Disse que tinha conhecimento de “pessoas que puseram termo à vida” porque “que não receberam o apoio psicológico que deviam.”

    Bernardo Ferrão

  • 6 polícias feridos e 4 detidos em manifestação pela morte de português em Londres
    1:29

    Mundo

    A manifestação começou ainda durante a tarde deste domingo, na capital britânica e culminou em violência, com 6 polícias feridos, 4 pessoas detidas e a evacuação de uma das principais estações de transportes da zona leste da Londres. Os manifestantes acusam a polícia britânica de agressão na noite de 15 de junho, quando um português, de 25 anos, foi mandado parar pela polícia. O jovem acabou por morrer no hospital 5 dias depois.

  • Novo avião da TAP a lembrar o passado
    1:32
  • Avião cruza-se com drone a 900 metros de altitude
    2:01

    País

    Um avião da TAP voltou a cruzar-se este domingo com um drone, enquanto se preparava para aterrar no aeroporto de Lisboa. A aproximação deu-se a 900 metros de altitude e passou muito perto da asa da aeronave. Este é o 10.º incidente com drones este ano e o 6.º este mês.

  • Bruno Fernandes já está em Lisboa
    4:53

    Mercado de transferências

    Bruno Fernandes já está em Lisboa a dar autógrafos com a camisola do Sporting. André Moreira, guarda-redes do Atlético Madrid, oficializado em breve no Benfica. Eis as últimas do mercado de transferências, por Gonçalo Azevedo Ferreira.

  • Os russos adoram Portugal
    2:48

    Taça das Confederações

    Os portugueses que foram à Rússia para a Taça das Confederações ficaram surpreendidos pela forma calorosa com que todos foram recebidos. Cristiano Ronaldo é o grande responsável por esta paixão pelo nosso país.

    Enviados SIC

  • O último adeus a Miguel Beleza

    País

    O velório do economista e ex-ministro das Finanças realiza-se esta segunda-feira na Igreja do Campo Grande, em Lisboa, a partir das 18h00.