sicnot

Perfil

Mundo

Venezuela reduz horário de trabalho para poupar energia eléctrica

A Venezuela anunciou hoje que vai reduzir o horário de trabalho dos funcionários públicos de oito para seis horas para reduzir o consumo elétrico, que aumentou nos últimos dias devido a uma onda de calor.

© Gonzalo Fuentes / Reuters

"Analisámos e chegámos ao acordo de que a maior parte da administração pública nacional vai passar a ter um horário contínuo de seis horas de trabalho", anunciou o vice-presidente da Venezuela, Jorge Arreaza.

O anúncio foi feito através do canal estatal Venezuelana de Televisão, onde Jorge Arreaza explicou que nos últimos dias se têm verificado temperaturas muito elevadas, levando as pessoas a usarem mais os aparelhos de ar condicionado.

"Ontem [segunda-feira], em Maracaibo [uma cidade a oeste do país], a perceção térmica era de 45 graus Celsius, hoje dizem-nos que é superior", disse.

O vice-presidente da Venezuela adiantou que vão ser feitas inspeções para confirmar o cumprimento do horário de trabalho e verificar o uso eficiente e consciente dos equipamentos que consomem eletricidade.

Jorge Arreaza acrescentou também que estão em análise medidas de poupança de energia para serem aplicadas pelos grandes consumidores privados, nomeadamente centros comerciais, hotéis, estabelecimentos e algumas indústrias.

O anúncio das medidas ocorre depois de alguns analistas terem chamado a atenção para a descida do nível das águas na barragem de El Guri, a principal do país, e de alegados problemas de manutenção do sistema elétrico venezuelano.



Lusa
  • CDS quer que Governo revele detalhes do negócio do Novo Banco
    0:46

    Economia

    O CDS considera fundamental que o Governo revele os detalhes do negócio do Novo Banco para que pare com a especulação. Os centristas guardam uma posição política para depois de serem conhecidos os pormenores e lembram, mais uma vez, que o Executivo tem uma maioria parlamentar de Esquerda que o apoia.

  • ASAE faz doação de roupa apreendida
    1:15

    País

    A ASAE doou cerca de 200 peças de vestuário à Associação CAIS, apreendidas em ações de fiscalização. O valor destas peças é de quase 10 mil euros. Em 2016, a ASAE fez 100 ações de doação, um total de aproximadamente 14 mil peças.

  • PSD tem dúvidas sobre legalidade da taxa de proteção civil de Lisboa
    0:33

    País

    O PSD disse esta quarta-feira que a taxa de proteção civil da Câmara de Lisboa é um imposto e tem dúvidas sobre a legalidade. Numa reação ao envio deste diploma para o Tribunal Constitucional pelo Provedor de Justiça, os sociais-democratas deixaram ainda a promessa de acabar com a taxa, caso vençam as eleições na capital.

  • Conheça o Spa para recém-nascidos
    1:28

    Mundo

    Chama-se Baby Spa Perth e fica na Austrália. Nos últimos dias, o mundo ficou a conhecer este spa graças às fotografias dos bebés com as boias, que se tornaram virais nas redes sociais. O spa tem hidroterapia personalizada e massagens relaxantes. A boia, Bubby, permite que os bebés possam flutuar na água, sozinhos e em segurança.

    Patrícia Almeida

  • A rã que brilha no escuro
    2:08

    Mundo

    É a última descoberta do reino animal. Foi encontrada acidentalmente na Argentina uma nova espécie de rã, fluorescente.