sicnot

Perfil

Mundo

Líder norte-coreano visitou novo centro de controlo de satélites

O líder norte-coreano, Kim Jong-un, visitou as instalações de um recente centro de controlo de satélites e declarou que o país continuará a desenvolver tecnologia espacial apesar das sanções internacionais, revelou a agência norte-coreana KCNA.

© KCNA KCNA / Reuters

A agência oficial não especificou, contudo, quando Kim Jong-un visitou o centro.

"O desenvolvimento espacial pacífico é uma opção assumida pelo nosso partido e pela nossa gente e um direito legítimo da 'Shongun' (política norte-coreana que consiste em dar prioridade ao fortalecimento do setor militar)", disse Kim Jong-un durante a visita ao complexo e de acordo com a KCNA.

O líder norte-coreano disse também que o seu país não vai mudar o seu "estatuto de produtor-lançador de satélites, apesar das forças hostis o negarem" e reafirmou também o objetivo do país asiático em continuar o desenvolvimento espacial "sem ligar a quem se opõe".

A Coreia do Norte está sob sanções das Nações Unidas pelos seus lançamentos de foguetes considerados como mísseis balísticos pela comunidade internacional.

As resoluções da ONU proíbem o país de realizar ensaios nucleares, apesar da Coreia do Norte já ter desrespeitado a decisão várias vezes.

Durante a inspeção ao novo complexo, o líder norte-coreano elogiou o seu pai e antigo líder, Kim Jong-il, que, disse, "marcou o início da nova história de desenvolvimento espacial e provocou o maior lançamento de satélites nos mais de 5.000 anos de história da nação coreana".

Lusa
  • Sabe onde fica a Nambia? Algures em África, segundo Trump

    Mundo

    "O sistema de saúde na Nambia é incrivelmente autossuficiente", declarou o Presidente dos Estados Unidos num discurso proferido num almoço com líderes africanos. No encontro, realizado esta quarta-feira à margem da 72.ª Assembleia-Geral da ONU, em Nova Iorque, Donald Trump repetiu o erro. Os utilizadores das redes sociais não perdoaram mais este "lapso" do chefe de Estado norte-americano.

  • Ambiente e direitos humanos dominam discurso de Costa na ONU
    2:03
  • Yoko Ono obriga limonada "John Lemon" a mudar de nome

    Cultura

    A viúva do Beatle John Lennon ameaçou processar uma empresa de bebidas polaca por causa da limonada "John Lemon". Yoko Ono não terá gostado do trocadilho entre Lennon e Lemon (limão, em inglês) e quer ver toda e qualquer garrafa com este rótulo retirada do mercado.