sicnot

Perfil

Mundo

Tunísia rejeita qualquer ameaça de atentado contra israelitas em festa judaica

O ministério do Interior da Tunísia rejeitou no sábado a existência de qualquer ameaça de atentado contra alvos judaicos ou israelitas no país, depois de o Governo de Israel ter desaconselhado viagens para aquele destino.

© POOL New / Reuters

"Não há nenhuma ameaça" de atentado, afirmou um funcionário daquele ministério à Agência France Press (AFP), sob anonimato.

A declaração surge em resposta ao Governo de Israel que afirmou, no sábado, suspeitar de "ameaças concretas" de ataques terroristas contra alvos judaicos ou israelitas na Tunísia, por ocasião de uma festa judaica que se comemora na quinta-feira.

"A informação indica que há planos para ataques terroristas contra israelitas ou judeus na Tunísia", referiu um comunicado do gabinete do primeiro-ministro israelita, Benjamin Netanyahu.

As alegadas ameaças estão ligadas à festa judaica Lag BaOmer, que será celebrada a 7 de maio, adiantou o comunicado do Governo israelita, instando os judeus a não visitarem a Tunísia durante a festa.

Lusa
  • Sessão solene no Parlamento e desfile popular nas celebrações do 25 de Abril

    País

    Os 43 anos da Revolução dos Cravos são hoje comemorados com a sessão solene no Parlamento e o tradicional desfile popular, tendo o Presidente da República escolhido o 25 de Abril para condecorar, a título póstumo, Francisco Sá Carneiro. A SIC Notícias acompanha esta manhã a sessão solene na Assembleia da República. Veja aqui em direto.

  • Desconhecem-se as causas do incêndio na fábrica da Tratolixo
    0:43

    País

    Os moradores de Trajouce, em São Domingos de Rana, não ganharam para o susto com um incêndio nas instalações da empresa de resíduos Tratolixo.O alerta foi dado por populares e trabalhadores da empresa. O vento foi o maior problema dos bombeiros no combate às chamas durante a noite. No local estiveram 133 homens, apoiados por 51 viaturas.Desconhecem-se para já as causas do incêndio. O incêndio foi circunscrito de madrugada, mas pode demorar algumas horas a ser dominado.

  • ASAE encerra em média um restaurante por dia
    1:33
  • Duas execução no mesmo dia pela primeira vez em 17 anos nos EUA

    Mundo

    O estado norte-americano do Arkansas (sul) executou, na noite de segunda-feira, dois condenados à morte, o que sucede pela primeira vez em 17 anos no país, anunciou a procuradora-geral daquele estado. Jack Jones e Marcel Williams, condenados separadamente na década de 1990 à pena capital por violação e assassínio, receberam uma injeção letal depois de diferentes tribunais terem rejeitado os respetivos recursos, afirmou Leslie Rutledge, em comunicado.