sicnot

Perfil

Mundo

Astrofísicos captam primeira imagem de exoplaneta mais próximo da Terra

Astrofísicos captaram a imagem do planeta gigante VHS 1256b, que é o planeta extrassolar mais próximo da Terra do qual se conseguiu, até hoje, obter imagens e um espetro, divulgou o Instituto de Astrofísica das Canárias, Espanha.

© Ho New / Reuters

O VHS 1256b tem um tamanho semelhante a Júpiter, mas uma massa 11 vezes superior à do maior planeta do Sistema Solar, e orbita uma estrela anã vermelha que está a 40 anos-luz da Terra.

A distância a que o exoplaneta está da Terra e o seu brilho permitiram aos cientistas estudá-lo com detalhe.

"Devido à sua juventude e proximidade, fomos capazes de obter, pela primeira vez, com grande detalhe o espetro de um exoplaneta no visível", disse Victor Sánchez Béjar, do Instituto de Astrofísica das Canárias, e coautor do estudo, citado hoje em comunicado no portal da instituição.

O espetro resulta da radiação da luz emitida, neste caso pelo planeta, nas várias cores que a constituem e apresenta riscas que funcionam como a impressão digital dos elementos que compõem o objeto observado.

O VHS 1256b é um dos planetas fora do Sistema Solar mais brilhantes e orbita a sua estrela a uma distância cem vezes a que separa a Terra do Sol. Forma um sistema planetário com uma idade entre 150 a 300 milhões de anos, sendo, por isso, 15 a 30 vezes mais jovem do que o Sistema Solar. 

Os cientistas creem que o exoplaneta assemelha-se à aparência provável de Júpiter há 4,2 mil milhões de anos. Na atmosfera de VHS 1256b foram detetados traços de vapor de água e metais alcalinos, normais nestes planetas, mas não metano, ao contrário do que seria esperado. 

Os resultados da investigação, desenvolvida em parceria com o Centro de Astrobiologia de Torrejón de Ardoz e a Universidade Politécnica de Cartagena, ambos também em Espanha, serão publicados na quarta-feira na revista The Astrophysical Journal.

A equipa de astrofísicos usou, para o estudo, o espectrógrafo (instrumento que faz o registo fotográfico de um espetro) OSIRIS do telescópio das Canárias.


Lusa
  • Bomba encontrada na Nazaré pode ter sido largada durante 2.ª Guerra Mundial
    2:26

    País

    A bomba que esta segunda-feira veio nas redes de um arrastão na Nazaré já foi detonada. O engenho explosivo foi identificado como uma bomba de avião por especialistas da Marinha, que eliminaram também o perigo equivalente a 600 quilogramas de TNT. A bomba sem qualquer inscrição tinha um desgaste evidente e, segundo a Marinha, pode ter sido largada de um avião durante a 2.ª Guerra Mundial.

  • Derrocada de muro em Lisboa obriga à retirada de 40 pessoas de 5 prédios
    2:14

    País

    Os moradores de três prédios de Lisboa não podem regressar tão cedo a casa. Durante a madrugada, a derrocada de um muro obrigou à retirada de 40 pessoas de cinco edifícios. Um dos inquilinos sofreu ferimentos ligeiros. Entretanto, a maioria dos residentes já foi realojada em casas de familiares e num hotel.

  • "Geringonça" elogiada na Europa e EUA
    4:22

    País

    Num momento em que por cá se fala de claustrofobia democrática, a Europa e os Estados Unidos desdobram-se em elogios ao sucesso da maioria de Esquerda em Portugal. A palavra "geringonça" já tem até tradução em várias línguas.

  • ONU estima que mais 750 mil civis estejam em risco na cidade de Mossul
    1:39

    Mundo

    As Nações Unidas estimam que mais 750 mil civis estejam em risco na zona ocidental de Mossul, no Iraque. Mais de 10 mil pessoas fugiram da zona ocidental da cidade nos últimos quatro dias. Enquanto a população tenta escapar ao fogo cruzado, as forças iraquianas avançam sobre a cidade ainda controlada pelo Daesh.