sicnot

Perfil

Mundo

Trezentas e cinquenta menores sexualmente abusadas em Moçambique em 2014

A Procuradora-Geral da República (PGR) de Moçambique, Beatriz Buchili, disse hoje em Maputo que 350 menores foram sexualmente abusadas em 2014 em Moçambique, levando à instauração de 863 processos-crime, dos quais 631 foram objeto de acusação. 

© Andy Clark / Reuters

"De acordo com os dados, no ano de 2014, foram sexualmente abusadas 350 menores por indivíduos, maioritariamente, ligados por laços de parentesco", disse a PGR moçambicana.

Buchili divulgou o número de casos de violação sexual de menores, quando apresentava a Informação Anual do Procurador-Geral da República à Assembleia da República.

Segundo Buchili, em conexão com os casos de violação sexual de menores, 42 processos-crime receberam despachos de abstenção, 126 foram julgados e 190 encontram-se em instrução preparatória.

"Estamos cientes de que os números apresentados podem não corresponder à real situação, se partirmos do pressuposto de que existem casos não denunciados pelo facto de as vítimas temerem represálias e ainda outros serem negociados entre as famílias", afirmou a PGR.

A Informação Anual do PGR dá também conta de que em 2014 foram linchadas 24 pessoas, que morreram à pancada ou queimadas por populares e nalguns casos pelos próprios filhos, devido a alegado roubo ou práticas de feitiçaria.

No balanço sobre a atividade do Ministério Público que prestou ao parlamento, Maria Buchili indicou ainda que 2.735 morreram vítimas de homicídio.

Buchili também fez referência ao homicídio do constitucionalista moçambicano de origem francesa Gilles Cistac, morto a tiro a 03 de março último em Maputo, tendo mencionado apenas que o caso se encontra em investigação.

Lusa
  • Detido dono do cão que feriu criança com gravidade

    País

    O dono do cão de raça Rottweiler que esta terça-feira feriu com gravidade uma criança de 4 anos em Matosinhos foi detido pela PSP e o animal já foi recolhido no canil municipal, informou fonte oficial da autarquia.

    Em atualização

  • A fuga dos PIDES
    20:08
  • Desconhecem-se as causas do incêndio na fábrica da Tratolixo
    0:43

    País

    Os moradores de Trajouce, em São Domingos de Rana, não ganharam para o susto com um incêndio nas instalações da empresa de resíduos Tratolixo.O alerta foi dado por populares e trabalhadores da empresa. O vento foi o maior problema dos bombeiros no combate às chamas durante a noite. No local estiveram 133 homens, apoiados por 51 viaturas.Desconhecem-se para já as causas do incêndio. O incêndio foi circunscrito de madrugada, mas pode demorar algumas horas a ser dominado.

  • Duas execução no mesmo dia pela primeira vez em 17 anos nos EUA

    Mundo

    O estado norte-americano do Arkansas (sul) executou, na noite de segunda-feira, dois condenados à morte, o que sucede pela primeira vez em 17 anos no país, anunciou a procuradora-geral daquele estado. Jack Jones e Marcel Williams, condenados separadamente na década de 1990 à pena capital por violação e assassínio, receberam uma injeção letal depois de diferentes tribunais terem rejeitado os respetivos recursos, afirmou Leslie Rutledge, em comunicado.