sicnot

Perfil

Mundo

Levantamento aéreo vai contabilizar elefantes no sul de Angola

O Governo da província do Cuando Cubango, no sul de Angola, está a sobrevoar o município de Rivungo para contabilizar o número de elefantes existentes naquela região, que aumentou significativamente nos últimos anos. 

© Thomas Mukoya / Reuters

A informação foi transmitida hoje pelo administrador do Rivungo, Júlio Vidigal, que realçou a forma "assustadora" como os elefantes estão a povoar o Parque do Luiana, localizado naquela região.

Segundo Júlio Vidigal, os elefantes são provenientes das vizinhas Repúblicas da Zâmbia e a da Namíbia, e estão a regressar ao seu habitat.

Júlio Vidigal disse que foi reforçado o número de fiscais no parque, para impedir os caçadores furtivos de abaterem os elefantes, medida que estará a resultar.

"Nos últimos tempos, manadas de elefantes têm circulado pelas ruas da vila, no período da manhã, numa convivência pacífica com os habitantes da Jamba", contou o administrador do Rivungo, citado hoje pela agência noticiosa angolana, Angop.

Com o fim da guerra civil, em 2002, Angola registou o regresso de vários animais que em tempos de conflito abandonaram o seu habitat à procura de refúgio em países vizinhos.

Angola faz parte de um projeto, denominado KAZA, de criação da maior área transfronteiriça de conservação do mundo, em conjunto com os vizinhos Botsuana, Namíbia, Zâmbia e Zimbabué, estando atualmente a organizar os seus parques nacionais na fronteira com estes países. 

Lusa
  • "O que é isto, mamã?"
    36:23
  • Fim de semana de muito frio e vento forte
    2:08

    País

    Segundo o Instituto Português do Mar e da Atmosfera, vem aí mais frio e as temperaturas mínimas negativas vão regressar a alguns pontos do país. Prevê-se também vento intenso para as próximas 48 horas.

  • O ensino à distância em Portugal
    4:12

    País

    Em Portugal, o ensino básico e secundário à distância já conta com 300 alunos e com a preciosa ajuda das novas tecnologias. É através do computador que a escola viaja e acompanha os alunos, alguns com doenças que não os permitem ir às aulas, outros que são atletas de alta competição e que têm a maior parte do tempo ocupado por treinos ou ainda os que fazem parte de famílias itenerantes, como é o caso dos que vivem no circo e andam de terra em terra.

  • Aprender a jogar badminton ao ritmo do samba
    2:54

    Mundo

    No Brasil, a correspondente da SIC foi conhecer um projeto social no Rio de Janeiro que mistura samba e desporto. Um desporto que ainda é pouco praticado mas que tem sido fundamental para transformar a vida de jovens das favelas e para descobrir novos talentos do badminton brasileiro.

    Correspondente SIC