sicnot

Perfil

Mundo

Desfile em Moscovo assinala o fim da Segunda Guerra Mundial

galeria de fotos

A Rússia assinalou, esta manhã, com um desfile militar o fim da Segunda Guerra Mundial na Europa. Moscovo aproveita este desfile para demonstrar o poderio militar e em que participam cerca de 16 mil soldados, quase 200 unidades blindadas e 143 aviões. A Rússia vai também apresentar os novos tanques Armata T-14 que o país afirma serem os mais potentes do mundo.

© RIA Novosti / Reuters

© Tatyana Makeyeva / Reuters

© RIA Novosti / Reuters

© Grigory Dukor / Reuters

© RIA Novosti / Reuters

© RIA Novosti / Reuters

© RIA Novosti / Reuters

A assistir à cerimónia estão cerca de 20 chefes de estado e de governo, entre eles os Presidentes de Cuba, Venezuela e China e ainda o secretário-geral da ONU, Ban Ki-Moon.

 

Os líderes europeus boicotaram a presença na cerimónia devido ao papel que a Rússia tem desempenhado no conflito no leste da Ucrânia.

 

Há 70 anos, o então primeiro-ministro britânico, Winston Churchill anunciou o fim da Segunda Guerra Mundial na Europa. Ontem, a maioria dos países que sofreu a invasão nazi já assinalou o fim da guerra, mas na Rússia só no dia 9 se assinala o fim do conflito, devido à diferença horária.