sicnot

Perfil

Mundo

Cinco mortes por hora no Brasil em 2012

O Brasil registou, em 2012, cinco mortes com arma de fogo por hora, segundo o relatório anual Mapa da Violência, que recolhe dados de três anos.

Arquivo

Arquivo

© Reuters Photographer / Reuter

No total, mais de 42.416 pessoas perderam a vida em consequência de disparos, o pior resultado desde 1980, quando começou a ser feito o Mapa da Violência, elaborado com base no Sistema de Informação de Moralidade do Ministério da Saúde.

De acordo com o estudo, 94,5% destas mortes deveram-se a homicídios, com o restante a corresponder a acidentes com armas de fogo (284 casos), suicídio (989) e causas "indeterminadas" (1.066).

Em 94% dos casos as vítimas eram homens.

Entre 1980 e 2012, a média anual de mortes por arma de fogo aumentou 387%, face a um crescimento da população de 61% no mesmo período.

  • A inédita entrevista do príncipe Harry a Barack Obama
    0:47

    Mundo

    Foi divulgado um vídeo pouco habitual, onde aparece o príncipe Harry a entrevistar Barack Obama para um programa de rádio. A conversa foi gravada em setembro, durante um evento desportivo para militares com deficiência, e será transmitida na íntegra no dia 27 de dezembro.

  • Parlamento discute utilização de animais no circo
    2:01
  • Seis meses depois da tragédia de Pedrógão Grande
    5:55

    Tragédia em Pedrógão Grande

    Assinalou-se este domingo meio ano desde que o país ficou em choque com o rasto de morte e destruição causado pelos incêndios florestais na região centro. A tragédia de Pedrogão Grande foi há precisamente seis meses. Enquanto segue a reconstrução no tempo possível e com o Natal à porta, a vida prossegue, mas não voltará a ser mesma.