sicnot

Perfil

Mundo

Navio iraniano dispara tiros de aviso contra navio mercante no Golfo

Um navio patrulha do Irão disparou hoje tiros de aviso no Golfo Pérsico contra um navio mercante com pavilhão de Singapura, até a guarda-costeira dos Emirados Árabes Unidos ir em auxílio da embarcação comercial, informaram responsáveis norte-americanos.

Navio da guarda-costeira da Arábia Saudita.

Navio da guarda-costeira da Arábia Saudita.

© Faisal Nasser / Reuters

O navio iraniano disparou para a proa do navio Alpine Eternity, que navegava em águas internacionais, levando a embarcação comercial a mudar de direção para os Emirados Árabes Unidos.

O navio visado emitiu um pedido de ajuda via rádio e os iranianos dispararam uma segunda série de tiros de aviso, segundo dois responsáveis da Defesa dos Estados Unidos.

Em resposta ao pedido, as autoridades marítimas dos Emirados enviaram dois navios da guarda-costeira e, pouco depois, os navios iranianos saíram da zona.

Um navio de guerra norte-americano que estava a cerca de 20 milhas (32 quilómetros) do Alpine Eternity não recebeu qualquer pedido de ajuda, segundo as fontes, citadas pela agência France Presse.

Este é o mais recente de uma série de incidentes no Golfo Pérsico desde que em finais de abril o Irão arrestou um porta-contentores da empresa dinamarquesa de transportes marítimos Maersk com bandeira das Ilhas Marshall, entretanto libertado.

O Alpine Eternity é um petroleiro de 180 metros da empresa Transpetrol, com escritórios na Bélgica, Bermudas, Noruega e Suíça.


Lusa
  • Pescador desaparecido no rio Minho, em Alvaredo, Melgaço

    País

    O pescador desapareceu na noite deste sábado no rio Minho, em Alvaredo, no concelho de Melgaço, distrito de Viana do Castelo. Segundo a Autoridade Nacional de Proteção Civil estão envolvidos nas buscas 15 operacionais e quatro viaturas.

  • Portugal vai testar capacidade de resposta a ciberataque
    0:22

    País

    O exercício está marcado para os dias 09 e 10 de maio e é o primeiro a nível nacional a testar um ciberataque em Portugal. O teste é organizado pelo Centro Nacional de Cibersegurança (CNCS) para apurar "o "grau de preparação" das várias entidades públicas e privadas, mas já conclusões a ter em conta. Segundo o coordenador do CNCS, Pedro Veiga confirma-se tendência para os ataques serem cada vez mais sofisticados e é preciso alertar a população para o que publicam na internet e se pode colocar em risco a privacidade e a segurança.

  • Mont-Saint-Michel evacuado "por precaução"

    Mundo

    O monumento do Monte Saint-Michel, no oeste de França, foi evacuado hoje de manhã "por precaução", tendo sido retirados os turistas e habitantes devido à presença de um suspeito que ameaçou as forças da ordem, anunciou a polícia francesa.

  • As suspeitas que recaem sobre Ricardo Salgado e Manuel Pinho
    2:00