sicnot

Perfil

Mundo

Três militantes morreram após tentativa de golpe de Estado no Burundi

Três militantes morreram após tentativa de golpe de Estado no Burundi

Pelo menos três militantes morreram esta quinta-feira, em confrontos na capital do Burundi. O país africano foi alvo de um golpe de Estado na quarta-feira, mas mais de 24 horas depois do anúncio da destituição do Presidente, por parte das forças da oposição, continua a não ser claro quem detém o poder. A situação é cada vez mais preocupante.

  • Noite de violência no Burundi, Presidente apela à calma

    Mundo

    O Presidente do Burundi continua na capital económica da Tanzânia, num local secreto. Numa comunicação breve no site da presidência e no Twitter, o chefe de Estado apelou à calma da população. A situação em Bujumbura está mais tranquila, mas às primeiras horas  do dia ainda se ouviam tiros na capital. Durante a noite, as rádios privadas e a principal televisão independente do Burundi foram alvo de ataques de apoiantes do Presidente. 

  • Dois jovens atropelados mortalmente no concelho de Montemor-o-Velho
    2:20
  • Presidente de "O Sonho" suspeito de peculato e fraude
    2:26

    País

    O presidente das três instituições de solidariedade social de Setúbal - incluindo "O Sonho" -, que na sexta-feira foram alvo de buscas, foi constituído arguido. Florival Cardoso é, por enquanto, o único suspeito de peculato e fraude na obtenção de subsídios para as instituições.

  • Manifestação contra mina de urânio junta milhares em Salamanca
    1:39
  • Assalto a Tancos e roubo de armas da PSP podem estar relacionados
    1:24

    País

    O assalto a Tancos e o roubo de armas da PSP, três recuperadas na semana passada, podem estar relacionados. O semanário Expresso avançou este sábado que há suspeitos de terem participado nos dois assaltos e o grupo, ou parte dele, atua principalmente do Algarve, com possíveis ligações a outras organizações espalhadas pelo país ou até transacionais.

  • Cessar-fogo de 30 dias na Síria
    2:07