sicnot

Perfil

Mundo

Autoridades do Egito enforcam seis pessoas acusadas de terrorismo

As autoridades do Egito enforcaram hoje seis pessoas condenadas por atacar soldados e polícias e por pertencer ao grupo 'jihadista' Ansar Beit, agora chamado Wilaya Sina.

© Asmaa Waguih / Reuters

A aplicação da condenação realizou-se hoje às 05:00 locais (04:00 em Lisboa), depois de um tribunal militar ter decretado a pena capital contra as seis pessoas em outubro do ano passado, segundo informa a agência oficial egípcia Mena.

Os executados foram condenados por assassinar dois oficiais da zona de Arab Sherkes e por atacar um autocarro com soldados, bem como um posto de segurança em Mostorod, acontecimentos que remontam a 2013 e 2014.

O grupo Ansar Beit al-Maqdis, que mudou o seu nome para Wilaya Sina quando jurou lealdade ao autodenominado grupo 'jihadista' Estado Islâmico em finais do ano passado, tem reivindicado os principais atentados cometidos no Egito nos últimos anos.

No sábado, o ex-presidente do Egito Mohamed Morsi e cerca de uma centena de dirigentes da Irmandade Muçulmana foram condenados à morte, devido às fugas da prisão durante a revolta de 2011.

A pena capital está sujeita a um parecer não vinculativo do 'mufti' (jurista que interpreta a lei islâmica) do Egito, antes de ser confirmada ou revogada.

Morsi já tinha sido condenado a 20 anos de prisão, há três semanas, num primeiro processo relacionado com atos de violência.

  • "A nossa lei tem demasiados buracos"
    0:44

    País

    Rui Cardoso acusa a classe política de não querer resolver os problemas da corrupção em Portugal. Entrevistado na Edição da Noite da SIC Notícias o magistrado do Ministério Público considera que ainda há um longo caminho a percorrer no combate à corrupção.

  • Beyoncé e a irmã caem e o vídeo torna-se viral

    Cultura

    Beyoncé voltou este fim de semana a subir ao palco do Coachella, depois de ter atuado na primeira semana do festival que decorreu no deserto da Califórnia, nos EUA. A cantora norte-americana voltou a brilhar, mas foi o momento em que caiu no palco com a irmã, Solange, que acabou por se tornar viral.

    SIC

  • Cientistas querem sequenciar genomas de 15 milhões de espécies

    Mundo

    Um consórcio internacional de cientistas, que por enquanto não inclui portugueses, propõe-se sequenciar, catalogar e analisar os genomas (conjuntos de informação genética) de 15 milhões de espécies, uma tarefa que levará dez anos a fazer, foi divulgado esta segunda-feira.