sicnot

Perfil

Mundo

Proposta publicação de emails de Hillary Clinton em janeiro de 2016

O Departamento de Estado dos EUA propôs à Justiça tornar públicos em janeiro de 2016 os emails do período em que Hillary Clinton liderou a diplomacia norte-americana, informou hoje a revista Politico. 

reuters

Trata-se de 55.000 páginas de 'email', correspondentes ao período entre 2009 e 2012, que a ex-secretária de Estado entregou ao Departamento de Estado após a polémica desencadeada pelo uso, durante esses quatro anos, de uma conta pessoal para as suas comunicações, com um servidor privado. 

As mensagens de correio eletrónico estão a ser analisadas por funcionários da diplomacia norte-americana, que os propõe publicar a 15 de janeiro de 2016, apenas duas semanas antes da primeira votação de Hillary Clinton nas primárias democratas, no 'caucus' eleitoral no Iowa, prevista para 01 de fevereiro.

A publicação dos documentos resulta de um pedido feito pelo 'site' Vice News. 

"O Departamento entende o considerável interesse público destes documentos e está a esforçar-se para concluir a sua revisão o mais brevemente possível", disse ao juiz o diretor de Programas de Informação e Serviços do Departamento de Estado, John Hackett, refere a revista Politico.

Hillary Clinton, que parte como favorita a candidata democrata nas eleições de 2016, reconheceu em março que teria sido "mais inteligente" usar uma conta de correio eletrónico oficial e garantiu que unicamente apagou as mensagens que continham comunicações pessoais e não relacionadas com o seu trabalho como secretária de Estado.



  • Oceanário de Lisboa dá formação sobre impacto da acumulação de plásticos nos oceanos
    2:37
  • Trump e Netanyahu discutiram "ameaças que o Irão coloca"

    Mundo

    O novo Presidente norte-americano, Donald Trump, e o primeiro-ministro israelita, Benjamin Netanyahu, debateram "as ameaças que o Irão coloca" e concordaram que a paz israelo-palestiniana só pode ser "negociada diretamente", anunciou este domingo a Casa Branca.