sicnot

Perfil

Mundo

Polícia israelita matou condutor palestiniano com quem chocaram de carro

A polícia israelita matou um condutor palestiniano que esta manhã abalroou dois agentes, na zona Este da Cidade Santa.

© Ammar Awad / Reuters

Descrito pelo porta-voz da polícia israelita como "terrorista árabe", o condutor palestiniano foi alvejado logo no local. Numa primeira fase foi dado como gravemente ferido mas, entretanto foi anunciada a morte. Os dois agentes sofreram ferimentos ligeiros.

Israel tem sido alvo de uma série de ataques isolados, de ataques rodoviários e esfaqueamentos, nos últimos meses em Jerusalém, aumentando os receios de uma nova vaga de violência como a que fustigou o país há uma década.

O episódio mais violento aconteceu no mês passado quando um motorista abalroou um grupo de judeus israelitas, na periferia de Jerusalém. Um homem morreu e uma mulher ficou ferida.
  • TAP recruta mais assistentes de bordo
    2:40

    Economia

    A TAP assegura que, ainda durante o mês de outubro, os problemas com falta de tripulação vão terminar. Até ao final do ano, vão ser contratados novos assistentes de bordo. Ainda assim, o sindicato diz que não chega.

  • "Facilitámos muito no lance do 5-1 e não pode ser"
    1:09

    Desporto

    No final do jogo, o treinador do Desportivo de Chaves, Luís Castro, admitiu o domínio completo do Sporting durante todo o encontro. Já Jorge Jesus deixou elogios a Daniel Podence, que foi aposta para este jogo. O treinador do Sporting ficou satisfeito com a exibição mas não gostou de sofrer o golo de honra da equipa flaviense.