sicnot

Perfil

Mundo

Mais um filho de Putin?

Alina Kabaeva, antiga atleta olímpica de ginástica rítmica, apontada como namorada do Presidente da Rússia, Vladimir Putin, foi vista num evento em Moscovo, com um volumoso vestido vermelho. Os rumores de que Alina poderá estar grávida já circulam pela internet.

Não é a primeira vez que os tablóides escrevem que Alina carrega um filho de Putin.  O jornal suíço, Blick, é um desses.
No início do ano, garantia que a ausência do presidente russo, em março de 2015, teria como motivação o nascimento de uma menina. Recorde-se que Putin "desapareceu" durante dez dias. Regressou ao 11º e disse: "A vida seria chata sem rumores".

Segundo o jornal, a ex-atleta olímpica teria dado à luz numa clínica privada, "frequentada" também pela filha do magnata italiano Sílvio Berlusconi e pela modelo suíça Michelle Hunziker, na Suiça. O jornal adiantava ainda que o casal já teria dois filhos: um menino nascido em 2009 e uma menina de 2012. 

É público que Vladimir Putin tem dois filhos com sua ex-mulher, Lyudmila, com quem esteve casado 30 anos. Divorciou-se em 2013. Na altura quando questionado sobre as motivações do divórcio, se o presidente russo tinha, ou não, uma amante, um porta-voz do Kremlin respondeu: "Não. Foi uma decisão conjunta. O resto são rumores".

O boato da relação da Alina surgiu, pela primeira vez em 2008, depois de um jornal do milionário russo, Alexander Lebedev ter confirmado o romance de Putin com a ex-ginasta.

Pouco tempo depois, Lebedev fechou o jornal, sem que para isso houvesse alguma razão evidente. Mais uma vez especulou-se: o verdadeiro motivo seria "apaziguar a fúria de Putin".


Certo é que Alina Kabayeva apresentou o Festival de Ginástica para crianças, em Moscovo, envergando um volumoso vestido vermelho. Muitos dizem que poderá ter engordado, o que acontece com frequência aos atletas que deixam de competir, outros atribuem-lhe uma gravidez. O Kremlin não comenta.
 
O festival vai ser emitido, na televisão russa, no dia 1 de junho, dia da criança.

  • Suspeito de homicídio à porta do Luanda foi ouvido em tribunal e ficou em preventiva
    1:36

    País

    O suspeito de ser o autor dos disparos que mataram um jovem junto à discoteca Luanda foi ouvido em tribunal e ficou em prisão preventiva. Segundo a investigação, tudo terá começado com um mero desacato, ainda dentro da discoteca, onde a vítima e o detido foram filmados a discutir. O homem de 23 anos está indiciado por dois crimes de homicídio, um na forma tentada.

  • Romeu e Julieta nasceram no mesmo dia e no mesmo hospital

    Mundo

    Na Carolina do Sul, nos EUA, dois bebés tinham o parto marcado para 26 de março mas decidiram nascer mais cedo: exatamente no mesmo dia, apenas com uma diferença de 18 horas. Os pais não se conheciam e, curiosamente, deram o nome aos recém nascidos de Romeo e Juliet (em português, Romeu e Julieta).

  • Gelo nos polos recua para recordes mínimos

    Mundo

    A extensão de gelo polar dos oceanos Ártico e Antártico atingiu recordes mínimos a 13 de fevereiro, perdendo o equivalente a uma área maior do que o México, informou esta quarta-feira a agência espacial norte-americana NASA.