sicnot

Perfil

Mundo

Primeiro-ministro líbio escapa a tentativa de assassínio

O primeiro-ministro líbio, Abdallah al-Theni, escapou hoje a uma tentativa de assassínio em Tobrouk, no leste do país, quando desconhecidos dispararam contra o veículo em que seguia, informou o porta-voz do Governo.

Abdallah Al-Theni esteve apenas 5 dias na liderança do país. (Reuters)

Abdallah Al-Theni esteve apenas 5 dias na liderança do país. (Reuters)

© Ismail Zetouni / Reuters

"Homens armados abriram fogo contra a viatura do primeiro-ministro quando ele saía do local onde decorreu uma sessão parlamentar", disse Haten el-Ouraybi.

O primeiro-ministro, reconhecido pela comunidade internacional, "saiu ileso, mas um dos seus guarda-costas ficou ferido", disse a fonte, acrescentando que foi uma tentativa de assassínio.

O porta-voz do Governo referiu que os responsáveis pelo ataque não foram identificados.

A Líbia está à beira da anarquia desde a queda de Muammar Khadafi em 2011, onde as milícias fazem a sua própria lei.

A ONU tem tentado encontrar um compromisso para acabar com o conflito que opõe diferentes forças.







Lusa
  • Fuga de Vale de Judeus em junho de 1975 no Perdidos e Achados
    0:36

    Perdidos e Achados

    Prisão Vale de Judeus, final de tarde de domingo, dia 29 de junho de 1975. O plano da fuga terá sido desenhado por uma vintena de homens. Serrada a presiana metálica era preciso passar, para fora do edifício, as cabeceiras dos beliches onde os presos dormiam. Ao longo de cerca de uma hora 89 detidos, agentes da PIDE/DGS, a Polícia Internacional e de Defesa do Estado português extinta depois da revolução de 1974, fogem do estabelecimento prisional.

    Segunda-feira no Jornal da Noite