sicnot

Perfil

Mundo

Barack Obama declara Texas em situação de desastre

O Presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, assinou hoje uma declaração de situação de desastre no Texas devido Às fortes chuvas e inundações dos últimos dias que já provocaram a morte a pelo menos 28 pessoas naquele estado.

© Reuters Photographer / Reuters

Em comunicado, a Casa Branca informou que a declaração do Presidente implica o envio de ajuda federal para complementar a que está a ser proporcionada pelo estado, os municípios e as reservas de nativos americanos.

Desde o início de maio, mas especialmente na última semana, várias tempestades, tornados e ventos fortes assolaram a zona sul dos Estados Unidos o que provocou grandes inundações que deixaram totalmente alagadas por vários dias cidades como Houston, a quarta maior do país.

A declaração de Obama responde à petição expressa do governador do Texas, o republicano Greg Abbott, e coloca fundos federais à disposição das pessoas afetadas nos condados de Harris, Hays e Van Zandt.

O mau tempo nos Estados Unidos deixou ainda seis mortos em Oklahoma e 14 no norte do México, obrigando ainda muitas pessoas a abandonarem as suas casas.

Com Lusa
  • Corpos de portuguesas trasladados segunda-feira 
    1:27
  • Incendiários vão passar o verão com pulseira eletrónica

    País

    Os tribunais vão poder condenar os incendiários a penas de prisão domiciliária, com pulseira eletrónica, durante as épocas de incêndio. A nova lei foi aprovada na semana passada, na Assembleia da República, e aguarda a promulgação do Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa.

  • Estado vai tomar posse de terras abandonadas

    País

    O Governo vai recorrer ao Código Civil para permitir que o Estado tome posse de terras ao abandono. À margem da entrevista ao Expresso, o primeiro-ministro anunciou que o Governo irá acionar o artigo 1345º do Código Civil, que estabelece que as coisas imóveis sem dono conhecido se consideram do património do Estado.

  • "Trump, deixe-me ajudá-lo a escrever o discurso"
    0:47

    Mundo

    Arnold Schwarzenegger diz que Donald Trump tem o dever moral de se opor ao ódio e ao racismo. Num vídeo publicado nas redes sociais, o ator norte-americano e antigo governador da Califórnia encenou o discurso que Donald Trump devia ter. 

  • Hino da SIC tocado pela viola beiroa
    2:22