sicnot

Perfil

Mundo

Encontrado corpo de mulher em mala que esteve um mês em estação de Tóquio

A polícia japonesa encontrou o corpo, em estado de decomposição, de uma mulher no interior de uma mala deixada há um mês numa estação de Tóquio, informou hoje o jornal japonês Japan Times.

reuters

O corpo, encontrado no domingo, pertence a uma mulher, de entre 70 e 90 anos, que ainda não foi identificada, detalhou a agência Kyodo, citando a polícia.

A mala permaneceu numa sala de armazenamento de bagagens da estação de Tóquio durante um mês, período estabelecido para as reclamações, depois de ter sido retirada de um armário aberto na manhã de 26 de abril, segundo o funcionário da empresa responsável fez a macabra descoberta. 

A polícia estabeleceu um cordão na área em busca de provas forenses, estando a analisar imagens recolhidas pelas câmaras de segurança para tentar apurar quem abandonou a mala com o corpo.

A mulher media 1,40 metros, tendo o seu corpo sido dobrado para caber no interior da mala, que mede 70 por 50 centímetros, segundo a imprensa.

  • Caravana com cinzas de Fidel chega este sábado a Santiago de Cuba
    2:01
  • Obama diz que Guterres "tem uma reputação extraordinária"
    1:38

    Mundo

    António Guterres diz que vai trabalhar com Barack Obama e também com Donald Trump, na reforma das Nações Unidas. O futuro secretário-geral da ONU foi recebido por Obama, na Casa Branca, onde recebeu vários elogios do presidente norte-americano.

  • Morreu o palhaço que fazia rir as crianças de Alepo

    Mundo

    Anas al-Basha, mais conhecido como o Palhaço de Alepo, morreu esta terça-feira durante um bombardeamento aéreo na zona dominada pelos rebeldes. O funcionário público mascarava-se de palhaço para ajudar a trazer algum conforto e alegria às crianças sírias, que vivem no meio de uma guerra civil.