sicnot

Perfil

Mundo

Eleições legislativas hoje na Turquia

As assembleias de voto abriram hoje na Turquia para as eleições legislativas, as mais incertas desde 2002, com a possibilidade de o partido islamita AKP perder a maioria absoluta garantida em anteriores escrutínios.

© Umit Bektas / Reuters

Cerca de 54 milhões de eleitores turcos são chamados às urnas, que abriram às 08:00 (06:00 em Lisboa) e encerram às 17:00 (15:00 em Lisboa).

As legislativas assumem um duplo significado, ao serem encaradas como um plebiscito ao Presidente turco e líder do Partido da Justiça e do Desenvolvimento (AKP), Recep Tayyip Edogan, e aos seus planos para concentrar mais poderes.

Também vão ser dominadas pelo processo de paz com a guerrilha curda, a crescente islamização da sociedade impulsionada pelas autoridades, a recordação dos grandes protestos antigovernamentais da primavera de 2013, a corrupção, o autoritarismo ou o recuo da economia.

As sondagens fornecem ao conservador AKP entre 40% e 42% dos votos (49,8% em 2011, quando Erdogan ainda ocupava o posto de primeiro-ministro), enquanto aos sociais-democratas do Partido Republicano do Povo (CHP) é-lhes atribuído 26% e à direita radical do Partido de Ação Nacionalista (MHP) até 17%.

A grande incógnita reside nos resultados do pró-curdo Partido Democrático dos Povos (HDP), tradicionalmente forte nas regiões do sudeste onde se concentra esta minoria, que se apresenta pela primeira vez às legislativas também para se afirmar com uma alternativa global de esquerda no país.

Mais de 50 mil voluntários, além dos observadores dos partidos e de delegações do Parlamento Europeu e da OSCE, tentam garantir que o processo eleitoral decorre de forma adequada.


Lusa

  • Francês detido em Antuérpia "queria matar"

    Mundo

    O Presidente de França François Hollande afirmou que o francês detido esta quinta-feira por conduzir um automóvel a grande velocidade na principal rua pedonal de Antuérpia, na Bélgica, "queria matar" ou "provocar um acontecimento dramático".

  • Mais de 20 milhões estão a morrer à fome em África

    Mundo

    África enfrenta a maior crise desde 1945, com mais de 20 milhões de pessoas a morrer de fome em três países, Sudão do Sul, Somália e Nigéria, disse esta quinta-feira um responsável do Programa Alimentar Mundial das Nações Unidas.

  • Menina "rouba" chapéu ao Papa
    0:27

    Mundo

    Estella Westrick tem apenas três anos, mas já conseguiu chegar aos jornais de todo o mundo, depois de "roubar" o chapéu do Papa. Durante uma visita da família na quarta-feira ao Vaticano, a criança - que não parece estar muito contente no vídeo - foi pegada ao colo por um dos funcionários do Vaticano, que a levou depois até ao Papa para receber dois beijos. Nesta altura, Estella aproveitou para tirar o solidéu episcopal, arrancando gargalhadas de toda a gente, especialmente do Papa Francisco.

  • Jovem violada em direto no Facebook não se sente em segurança

    Mundo

    A jovem de 15 anos que foi abusada sexualmente por cinco ou seis homens durante um vídeo em direto para o Facebook está a receber tratamento. A mãe da jovem deu uma entrevista, na qual disse que a filha já não se sente em segurança na sua vizinhança, depois de receber ameaças na internet.

  • Letizia, uma rainha da nova geração
    2:01