sicnot

Perfil

Mundo

O pior inimigo do seu inimigo é o seu cão

A ciência vem confirmar o que a maioria das pessoas que tem cães já se tinha apercebido: os seus animais de estimação não gostam das pessoas que não tratam bem o seu dono e sempre recusarão comida oferecida por quem lhe tenha feito algum mal ou ofendido.

A investigação de cientistas japoneses vem demonstrar que os cães têm capacidade de sociabilização - uma característica que poucas espécies têm, como têm os seres humanos e alguns primatas.

A equipa liderada pelo professor Kazuo Fujita da Universidade de Quioto testou três grupos de 18 cães em que os respetivos donos tinham de abrir uma caixa. Ao lado do dono estavam mais duas pessoas que os cães não conheciam.

No primeiro grupo, o dono pedia ajuda a uma das pessoas para abrir a caixa mas a pessoa recusava veementemente.

No segundo grupo, o dono pedia ajuda e recebia-a. Em ambos os grupos, a terceira pessoa mantinha-se neutra, nem ajudava nem se recusava a ajudar.

No terceiro grupo, nenhuma das pessoas interagia com o dono do cão.

A seguir era oferecida comida ao cão, que aceitava de quem tinha ajudado o dono ou do observador neutro. Mas não aceitava de quem não tivesse ajudado o dono.

"Descobrimos que os cães são capazes de fazer avaliações sociais e emocionais, independentemente do seu interesse" (a oferta de comida", afirmou Fujita, citado pelo The Guardian. Se os cães agissem apenas no seu interessa, não se importavam com quem lhes oferecia comida.
  • ANACOM apresenta recomendações para melhorar redes de telecomunicações
    1:17

    País

    A ANACOM entregou um conjunto de recomendações ao Governo, Parlamento, municípios e operadores de telecomunicações. A autoridade reguladora em Portugal das comunicações eletrónicas propõe que os cabos aéreos de telecomunicações sejam substituídos por cabos subterrâneos, entre outras coisas. O objetivo é impedir que as redes fiquem em baixo perante incêndios ou outras catástrofes.

  • Ministra do Mar não aceita suspensão da pesca da sardinha
    2:39

    Economia

    O organismo científico que aconselha a Comissão Europeia em matéria de pescas recomendou esta sexta-feira que Portugal e Espanha não pesquem sardinha no próximo ano. A Ministra do Mar não aceita esta recomendação de capturas zero e vai propor uma redução do limite de capturas de sardinha das 17 mil toneladas deste ano para cerca de 14 mil em 2018.

  • Atividade económica regista crescimento

    Economia

    A atividade económica portuguesa está a crescer ao maior ritmo dos últimos 17 anos. O crescimento registado em setembro é o mais elevado desde janeiro de 2000. Já o consumo privado registou uma diminuição face a agosto.

    SIC