sicnot

Perfil

Mundo

Coreia do Sul regista 14ª vítima mortal devido ao coronavírus MERS

O número de mortos devido à Síndrome Respiratória do Médio Oriente (MERS) subiu para 14 e foram registados 12 novos casos de contágio, informaram hoje as autoridades.

Turistas chineses, no centro de Seul, na Coreia do Norte usam máscaras de proteção.

Turistas chineses, no centro de Seul, na Coreia do Norte usam máscaras de proteção.

© Kim Hong-Ji / Reuters

Uma mulher de 68 anos morreu hoje depois de ter sido infetada por um doente no hospital de Pyeongtaek, a 65 quilómetros a sul de Seul, segundo o Ministério da Saúde. 

As 14 vítimas sofriam de outras doenças antes de terem contraído o vírus, informaram as autoridades. A mais recente vítima tinha hipertensão e hipertiroidismo. 

No total, 138 pessoas foram infetadas pelo novo coronavírus, cujo primeiro diagnóstico foi realizado a 20 de maio, num homem que regressou de uma viagem à Arábia Saudita e outros países do Médio Oriente. 

A Organização Mundial de Saúde (OMS) anunciou na sexta-feira que vai convocar, na próxima semana, a comissão de emergências para abordar a situação da Síndrome Respiratória do Médio Oriente.

O MERS é um vírus mais mortal, mas menos contagioso, do que o responsável pela Síndrome Respiratória Aguda Severa (SARS, sigla em inglês) que, em 2003, fez cerca de 800 mortos em todo o mundo.

A MERS provoca uma infeção pulmonar e os afetados sofrem de febre, tosse e dificuldades respiratórias, não havendo, por enquanto, vacina ou tratamento para o vírus.

A doença regista uma taxa de mortalidade de cerca de 35%, de acordo com a OMS.

Na Arábia Saudita, mais de 950 pessoas foram contaminadas desde 2012 e 412 morreram.

 
Lusa

  • "Já só lhes resta uma coisa: bisbilhotar comunicações privadas"
    2:57

    Caso CGD

    O primeiro-ministro diz que o PSD atingiu o grau zero da política, quando chegou à "bisbilhotice" de querer ver as mensagens trocadas entre o ministro das Finanças e António Domingues. A polémica da Caixa Geral de Depósitos voltou a marcar o debate quinzenal, com António Costa a garantir que nunca esteve em causa a entrega de declarações da administração. Já o PSD e o CDS a acusaram o Governo de violar as regras da transparência e de oprimir os direitos da oposição.

  • Compensa comprar a granel?
    8:39
  • Técnica de defesa contra aperto de mão de Donald Trump
    1:39
  • Vídeo mostra aterragem de Harrison Ford que quase causou um desastre

    Mundo

    Harrison Ford quase provocou um grave acidente quando, ao pilotar um dos seus aviões, falhou a pista de aterragem e esteve muito perto de chocar contra um um Boeing 737, com mais de 100 pessoas a bordo. O incidente com o ator norte-americano, considerado um piloto experiente, aconteceu na passada segunda-feira, dia 13, no Condado de Orange, na Califórnia, e o momento foi captado em vídeo.

  • Descoberta nova espécie de primatas em Angola

    Mundo

    Uma equipa britânica de cientistas descobriu uma nova espécie de galagos anões, um primata pertencente à família dos galonídeos - comum na África subsariana -, na floresta ameaçada da Kumbira, localizada na província do Cuanza Sul, noroeste de Angola.

  • Vestidos da princesa Diana em exposição
    1:29

    Mundo

    As roupas mais emblemáticas da princesa Diana vão estar em exposição no Palácio de Kensington, em Londres, a partir de sexta-feira. O objetivo é mostrar a evolução do estilo da princesa de Gales, considerada um dos maiores ícones de moda de sempre.