sicnot

Perfil

Mundo

Forças curdas retiram controlo de Tel Abiad a grupo extremista Estado Islâmico

As forças curdas retiraram hoje ao grupo extremista Estado Islâmico o controlo da estratégica cidade de Tel Abiad, no norte da Síria e fronteira com a Turquia, disse o comandante daquelas forças.

© Umit Bektas / Reuters

O comandante das Unidades de Proteção do Povo (milícias curdas sírias), Ridor Jalil, explicou pela Internet que os seus combatentes assumiram o controlo total da cidade, noticiou a agência espanhola Efe.

As forças curdas, acrescentou, foram apoiadas por brigadas rebeldes sírias no terreno e por aviões da aliança, liderada pelos Estados Unidos.

O Observatório Sírio dos Direitos Humanos disse que as forças curdas controlam "quase" totalmente a localidade, mas que há pequenas bolsas de resistência do grupo extremista Estado Islâmico no interior da cidade.

Segundo o observatório, pelo menos 40 combatentes do grupo Estado Islâmico morreram hoje durante os bombardeamentos da coligação, mas outros conseguiram fugir ou refugiar-se na área.

O grupo extremista Estado Islâmico ocupou em janeiro de 2014 Tel Abiab e o posto de controlo fronteiriço com a Turquia, que estava controlado pelo Movimento Islâmico dos Livres de Sham.

A derrota para o grupo extremista ocorre quando está quase a assinalar a proclamação de um califado na Síria e Iraque.










Lusa
  • O impacto e as consequências do referendo em Itália
    1:02
  • O novo coala do zoo de Lisboa
    3:10

    País

    A SIC acompanhou em exclusivo a transferência de uma coala da Alemanha para o Zoo de Lisboa. O animal veio de avião e foi batizado pelos passageiros que seguiam a bordo. Ficou com o nome de Goolara. O coala é uma fêmea, com quase dois anos, e veio para aumentar a família da mesma espécie em Portugal.

  • Jovens do exército russo aderem ao Desafio do Manequim
    1:01

    Mundo

    Na Rússia, o grupo de jovens do exército também já aderiu ao famoso Mannequin Challenge. O vídeo foi divulgado pelo Ministério da Defesa russo. O objetivo é mostrar o dia-a-dia do chamado exército de jovens, cuja principal missão passa por sensibilizar os russos para a necessidade de cumprir o serviço militar obrigatório.