sicnot

Perfil

Mundo

Número de mortos por coronavírus na Coreia do Sul sobe para 16

O Governo sul-coreano deu hoje conta de mais uma morte devido à Síndrome Respiratória do Médio Oriente (MERS), o novo coronavírus, elevando o total para 16 no país, onde já se registaram 150 contágios.

© Kim Hong-Ji / Reuters

A última vítima mortal de MERS na Coreia do Sul é um homem de 58 anos que sofria de diabetes quando contraiu a doença, segundo anunciou o Ministério da Saúde, que também deu conta de cinco novos contágios.

O Governo do país asiático continua a sublinhar que os contágios estão cingidos aos hospitais, tornando o surto controlável.

Mais de metade das pessoas a quem foi diagnosticado MERS é profissional de saúde dos hospitais afetados, seu paciente ou familiar.

Segundo dados do Ministério da Saúde, 5.216 pessoas encontram-se atualmente de quarentena devido à possibilidade de terem contraído o coronavírus, que tem um período de incubação de 14 dias.

Não existe, por enquanto, vacina ou tratamento para este coronavírus, cuja taxa de mortalidade é de cerca de 35 por cento, de acordo com a Organização Mundial de Saúde.


Lusa
  • As vantagens de comprar online
    8:03
  • Suspeito de homicídio à porta do Luanda foi ouvido em tribunal e ficou em preventiva
    1:36

    País

    O suspeito de ser o autor dos disparos que mataram um jovem junto à discoteca Luanda foi ouvido em tribunal e ficou em prisão preventiva. Segundo a investigação, tudo terá começado com um mero desacato, ainda dentro da discoteca, onde a vítima e o detido foram filmados a discutir. O homem de 23 anos está indiciado por dois crimes de homicídio, um na forma tentada.

  • Filho de Trump critica mayor de Londres por palavras de 2016

    Ataque em Londres

    Donald Trump Júnior criticou o presidente da Câmara de Londres logo a seguir ao ataque de quarta-feira que fez três mortos e mais de 40 feridos. O filho de Presidente publicou no Twitter uma reação a uma declaração de Sadiq Khan de setembro de 2016. Para o Presidente dos EUA, o ataque em Londres é "uma grande notícia".

  • Marcelo reuniu-se com líderes europeus para falar do futuro da UE
    2:31

    País

    Marcelo Rebelo de Sousa esteve esta quarta-feira em Bruxelas e participou numa homenagem às vítimas do atentado em Bruxelas, onde colocou uma coroa de flores junto ao monumento.O Presidente da República esteve também reunido com os líderes das principais instituições europeias para falar sobre o futuro da UE.