sicnot

Perfil

Mundo

Três guardas mortos na Tunísia em ataque de militantes islâmicos

Três guardas da polícia nacional da Tunísia foram mortos esta segunda-feira, num posto de controlo no centro de país, na sequência de um ataque de militantes islâmicos.

O Ministério do Interior adiantou que dois dos seguranças morreram num ataque ao amanhecer e um terceiro na sequência de confrontos que se geraram com militantes islâmicos, numa passagem de Sidi Bouzid.

O Ministério do Interior adiantou que dois dos seguranças morreram num ataque ao amanhecer e um terceiro na sequência de confrontos que se geraram com militantes islâmicos, numa passagem de Sidi Bouzid.

© Stringer Shanghai / Reuters

O Ministério do Interior adiantou que dois dos seguranças morreram num ataque ao amanhecer e um terceiro na sequência de confrontos que se geraram com militantes islâmicos, numa passagem de Sidi Bouzid.
 
Um dos dois homens armados foi abatido, tendo o outro ficado ferido.

A autoria do ato terrorista não foi, até ao momento, reivindicada por nenhum grupo em concreto, mas as autoridades apontam o dedo a jihadistas do género dos que em março atacaram o museu nacional do Bardo, na capital, Tunes.

Desde então, as forças de segurança lançaram uma campanha contra as brigadas radicais com influência no país, em particular junto à fronteira com a Argélia.
  • Três letras de Zeca Afonso

    Cultura

    No dia em que se assinalam 30 anos da morte de Zeca Afonso, Raquel Marinho, jornalista da SIC e divulgadora de poesia portuguesa contemporânea, escolhe três letras do cantor e autor para dizer, em forma de homenagem.

    Raquel Marinho

  • Cunhado do Rei de Espanha em liberdade sem caução

    Mundo

    Inaki Urdangarin vai mesmo aguardar o desenrolar do recurso em liberdade na Suíça, onde o marido da Infanta Cristina tem residência oficial e onde terá de se apresentar às autoridades uma vez por mês, para além de estar obrigado a comunicar qualquer deslocação fora da Europa. De fora fica ainda o pagamento da caução de 200 mil euros pedida pelo Ministério Público espanhol.