sicnot

Perfil

Mundo

Estudantes venezuelanos juntam-se à greve de fome iniciada pelo líder da oposição

Na Venezuela, as últimas horas têm sido marcadas pela adesão dos estudantes aos protestos contra o Presidente, Nicolas Maduro. As manifestações no centro de Caracas são também em solidariedade com o líder da oposição, Leopoldo Lopez, que entrou na quarta semana de greve de fome na cadeia.

De acordo com a oposição, nesta altura haverá já mais de uma centena de estudantes em greve de fome, em todo o país.

De acordo com a oposição, nesta altura haverá já mais de uma centena de estudantes em greve de fome, em todo o país.

© Jorge Lopez / Reuters

A greve de fome de López já dura há 24 dias e, de acordo com as informações disponíveis, já o terá feito perder mais de 12 quilos.

A oposição pretende desmascarar o que diz ser o regime de violação de direitos humanos, de Nicolas Maduro, há um ano e quatro meses no poder.

De acordo com a oposição, nesta altura haverá já mais de uma centena de estudantes em greve de fome, em todo o país, solidários com o líder da oposição e em protesto contra o Presidente Maduro, sucessor de Hugo Chávez no regime venezuelano.
  • PSD e CDS assinalam 36º aniversário da morte de Francisco Sá Carneiro
    1:38

    País

    O presidente do PSD deixou críticas ao Partido Comunista, este domingo, a propósito do aniversário da morte de Francisco Sá Carneiro. Pedro Passos Coelho lembrou os festejos dos comunistas na altura, numa resposta a quem questionou a abstenção dos sociais-democratas ao voto de pesar a Fidel Castro, que o PCP levou ao Parlamento. Este domingo, tanto o PSD como o CDS-PP prestaram homenagem a Sá Carneiro e Adelino Amaro da Costa.