sicnot

Perfil

Mundo

KFC nega ter servido rato panado a cliente

Aconteceu na Califórnia, Estados Unidos. Devorise Dixon alega ter encontrado numa caixa de pedaços de peito de frango um rato panado. A fotografia foi publicada no Facebook, e claro, tornou-se viral.

O homem de 25 anos conta que chegou a dar uma dentada no panado. "Percebi que era duro e parecia borracha, e isso chamou-me a atenção. Quando olhei para a caixa percebi que tinha forma de rato com cauda".

"Arrepiei-me todo! Tenho-me sentido mal desde esse dia. Preciso agora de um advogado. Cuidado quando forem comer fast-food!" diz Devorise Dixon.

As imagens (fotografias e video) estão a correr, literalmente, o mundo.

Nos últimos dias, milhares de clientes têm questionado a KFC sobre a notícia. Uns mais indignados que outros, há também quem questione a veracidade.

Aos clientes, a empresa tem respondido sempre da mesma maneira:  "A KFC fez várias tentativas para contactar o cliente em causa, que se tem recusado a falar connosco quer diretamente, quer através de um advogado. Os nossos panados de frango tem vários tamanhos e formas e, até agora, ainda não encontrámos qualquer evidência que corrobore estas acusações. Temos a possibilidade analisar o produto, num laboratório independente, cuja despesa assumimos, mas o cliente recusa-se a fornecer o produto em causa."


Posted by Devorise Dixon on Domingo, 14 de Junho de 2015
  • Curiosidades sobre o Mundial da Rússia
    3:08
  • Inocência e talento marcaram o 9.º dia de Mundial
    0:56
  • Ronaldo no País dos Sovietes: Algumas curiosidades
    1:54
  • O choro intenso de Neymar explicado pelo próprio
    0:51
  • A queda aparatosa do selecionador do Brasil
    0:05
  • Dia de limpezas em Chaves após violenta tempestade
    2:44
  • Athanasia, uma mulher sem medo das alturas
    0:35

    Mundo

    É grega, chama-se Athanasia Athineau, tem 29 anos e pertence à unidade de forças especiais da Grécia. O salto que podemos ver é de 10 mil pés, mas Athanasia faz também saltos de 30 mil. Neste caso, caíu a uma velocidade de 250 quilómetros por hora antes de abrir o pára-quedas.

  • Talheres de Hitler vendidos por 14 mil euros

    Mundo

    Um conjunto de duas facas, três colheres e três garfos de prata, que pertencia a Adolf Hitler, foi vendido em Dorset, Inglaterra, pelo valor de 12.500 libras (aproximadamente 14.200 euros). O serviço de talheres foi criado no âmbito das celebrações do 50.º aniversário do ditador nazi.

    SIC