sicnot

Perfil

Mundo

Sobe para 20 o número de mortos na Coreia do Sul devido ao novo coronavírus

O Governo da Coreia do Sul deu hoje conta de uma nova morte devido à Síndrome Respiratória do Médio Oriente (MERS), o novo coronavírus, elevando o número de vítimas mortais para 20. 

Sobe para 20 o número de mortos na Coreia do Sul devido ao novo coronavírus (Reuters/ Arquivo)

Sobe para 20 o número de mortos na Coreia do Sul devido ao novo coronavírus (Reuters/ Arquivo)

© Kim Hong-Ji / Reuters

A mulher de 54 anos sofria de uma doença respiratória e pressão arterial alta antes de contrair o coronavírus, informou o Ministério da Saúde. 

 

As autoridades confirmaram também oito novos casos de contágio, elevando o total para 162. 

 

Destes, 90% sofriam previamente de problemas de saúde graves, assegura o ministério. 

 

Quatro dos oito novos casos registaram-se no Centro Médico Samsung, em Seul, o epicentro do surto, onde quase 80 pacientes, visitantes e pessoal médico contraíram o coronavírus. 

 

Um total de 124 pacientes contagiados com o novo coronavírus permanece hospitalizado e 6.508 estão de quarentena. 

 

Não há ainda tratamento para a Síndrome Respiratória do Médio Oriente, cuja taxa de mortalidade é de 35%, de acordo com a Organização Mundial de Saúde. 

 

Na Arábia Saudita, mais de 950 pessoas foram infetadas e 412 morreram devido ao MERS.



Lusa

  • "O PSD não é o bombeiro de serviço desta geringonça"
    1:09

    TSU

    O líder da bancada social-democrata avisa os partidos da esquerda para que tenham o caso da TSU como exemplo e não voltem a usar o PSD como muleta em situações em que não estejam de acordo com o Governo, como pode vir a acontecer com as PPP no setor da saúde. Luís Montenegro foi entrevistado esta manhã na SIC Notícias.

  • Artista que criou poster de Obama quer invadir EUA com símbolos de esperança

    Mundo

    Shepard Fairey - o artista por trás do tão conhecido cartaz vermelho e azul "Hope" de Barack Obama, durante a campanha eleitoral de 2008 nos EUA - produziu uma série de novas imagens a tempo da tomada de posse de Donald Trump, na sexta-feira. Agora, o artista e a sua equipa querem manifestar uma posição política com a campanha "We The People", contra as ideias que o Presidente eleito tem defendido.