sicnot

Perfil

Mundo

Sobe para 20 o número de mortos na Coreia do Sul devido ao novo coronavírus

O Governo da Coreia do Sul deu hoje conta de uma nova morte devido à Síndrome Respiratória do Médio Oriente (MERS), o novo coronavírus, elevando o número de vítimas mortais para 20. 

Sobe para 20 o número de mortos na Coreia do Sul devido ao novo coronavírus (Reuters/ Arquivo)

Sobe para 20 o número de mortos na Coreia do Sul devido ao novo coronavírus (Reuters/ Arquivo)

© Kim Hong-Ji / Reuters

A mulher de 54 anos sofria de uma doença respiratória e pressão arterial alta antes de contrair o coronavírus, informou o Ministério da Saúde. 

 

As autoridades confirmaram também oito novos casos de contágio, elevando o total para 162. 

 

Destes, 90% sofriam previamente de problemas de saúde graves, assegura o ministério. 

 

Quatro dos oito novos casos registaram-se no Centro Médico Samsung, em Seul, o epicentro do surto, onde quase 80 pacientes, visitantes e pessoal médico contraíram o coronavírus. 

 

Um total de 124 pacientes contagiados com o novo coronavírus permanece hospitalizado e 6.508 estão de quarentena. 

 

Não há ainda tratamento para a Síndrome Respiratória do Médio Oriente, cuja taxa de mortalidade é de 35%, de acordo com a Organização Mundial de Saúde. 

 

Na Arábia Saudita, mais de 950 pessoas foram infetadas e 412 morreram devido ao MERS.



Lusa

  • ANACOM apresenta recomendações para melhorar redes de telecomunicações
    1:17

    País

    A ANACOM entregou um conjunto de recomendações ao Governo, Parlamento, municípios e operadores de telecomunicações. A autoridade reguladora em Portugal das comunicações eletrónicas propõe que os cabos aéreos de telecomunicações sejam substituídos por cabos subterrâneos, entre outras coisas. O objetivo é impedir que as redes fiquem em baixo perante incêndios ou outras catástrofes.

  • Ministra do Mar não aceita suspensão da pesca da sardinha
    2:39

    Economia

    O organismo científico que aconselha a Comissão Europeia em matéria de pescas recomendou esta sexta-feira que Portugal e Espanha não pesquem sardinha no próximo ano. A Ministra do Mar não aceita esta recomendação de capturas zero e vai propor uma redução do limite de capturas de sardinha das 17 mil toneladas deste ano para cerca de 14 mil em 2018.

  • Atividade económica regista crescimento

    Economia

    A atividade económica portuguesa está a crescer ao maior ritmo dos últimos 17 anos. O crescimento registado em setembro é o mais elevado desde janeiro de 2000. Já o consumo privado registou uma diminuição face a agosto.

    SIC