sicnot

Perfil

Mundo

Guterres admite falta de capacidade de resposta para afluxo recorde de migrantes

Guterres admite falta de capacidade de resposta para afluxo recorde de migrantes

O ano de 2014 bateu todos os recordes de refugiados no mundo. 60 milhões de pessoas fugiram da guerra e da violência fora de controlo no ano passado e levou as Nações Unidas e em especial o alto comissário para os refugiados, António Guterres, a admitir que já não há capacidade de respostas para este afluxo de migrantes. É o maior aumento de sempre, num só ano, como explicou António Guterres na Turquia.

  • Esquerda desce, direita sobe
    1:19
  • Ministério Público já tem fita do tempo do surto de legionella
    2:19