sicnot

Perfil

Mundo

Papa visita República Centro-Africana e Uganda de 27 a 29 de novembro

O papa Francisco vai visitar o Uganda e a República Centro-Africana de 27 a 29 de novembro, na sua primeira viagem a África, anunciou esta sexta-feira o Vaticano. 

Francisco, que publicou na quinta-feira uma encíclica sobre o ambiente, empreendeu no Vaticano uma difícil reforma da Cúria Romana (o governo da Igreja Católica), enquanto continua a preparar o sínodo (reunião de bispos) sobre a família. (Arquivo)

Francisco, que publicou na quinta-feira uma encíclica sobre o ambiente, empreendeu no Vaticano uma difícil reforma da Cúria Romana (o governo da Igreja Católica), enquanto continua a preparar o sínodo (reunião de bispos) sobre a família. (Arquivo)

© Giampiero Sposito / Reuters

A informação foi publicada no 'site' da prefeitura da casa pontifícia do Vaticano. 

O papa argentino tinha referido diversas vezes, nos últimos meses, um projeto de viagem a África em novembro. 

"Se Deus quiser, irei em novembro à República Centro-Africana e depois ao Uganda", disse há uma semana perante milhares de padres de todo o mundo, reunidos na basílica de São João de Latrão. 

Na República Centro-Africana, a viagem vai decorrer "antes da mudança de Presidente e no Uganda por ocasião do 50.º aniversário da canonização" de 22 jovens mártires por Paulo VI em 1984, na primeira visita de um papa a África, disse Francisco.

Este anúncio papal acontece depois das autoridades de transição centro-africanas terem publicado um novo calendário eleitoral, com as eleições presidenciais marcadas para 18 de outubro e uma eventual segunda volta a 22 de novembro. 

Na República Centro-Africana a violência inter-religiosa causou milhares de vítimas entre 2013 e o ano passado. O Uganda continua sob a ameaça das milícias islâmicas 'shebab', da vizinha Somália. 

Francisco, que publicou na quinta-feira uma encíclica sobre o ambiente, empreendeu no Vaticano uma difícil reforma da Cúria Romana (o governo da Igreja Católica), enquanto continua a preparar o sínodo (reunião de bispos) sobre a família. 

Após uma deslocação ao Sri Lanka e às Filipinas em janeiro, o papa visita em julho o Equador, a Bolívia e o Paraguai. Em setembro estará em Cuba e depois nos Estados Unidos e discursará na ONU. 
Lusa
  • "Miúdos de 5 e 6 anos a perguntar: a minha casa ardeu, o meu pai está queimado?"
    4:55
  • Presidente visita zonas afetadas pelos fogos
    2:00

    País

    Numa visita inesperada, o Presidente da República esteve esta manhã em Vouzela, um dos concelhos mais atingidos pelos incêndios. Marcelo Rebelo de Sousa vai estar nos próximos dias no distrito de Viseu.

  • Duas opções do círculo mais próximo de António Costa
    1:41
  • O clube de amigos de António Costa

    Não me parece o melhor princípio político, mas percebo que António Costa queira ter junto de si, sobretudo em tempos difíceis, os mais próximos. Os homens de confiança pessoal e política. Em plena tempestade, o primeiro-ministro chamou dois amigos de longa data, ex-colegas da Faculdade de Direito, Eduardo Cabrita e Pedro Siza Vieira. E eles não disseram que não.

    Bernardo Ferrão

  • "Viverei com o peso na consciência até ao último dia"
    3:00
  • A fotografia que está a correr (e a impressionar) o Mundo

    Mundo

    A fotografia de uma cadela a carregar, na boca, o cadáver calcinado da cria está a comover o mundo. Entre as muitas fotografias que mostram o cenário causado pelos incêndios que devastaram a Galiza nos últimos dias, esta está a causar especial impacto. O registo é do fotógrafo Salvador Sas, da agência EFE. A imagem pode impressionar os mais sensíveis.

  • Tondela corta relações institucionais com Belenenses

    Desporto

    O Tondela anunciou esta quinta-feira o corte de relações institucionais com o Belenenses, que vai defrontar no domingo para a nona jornada da I Liga de futebol, na sequência do diferendo pelo não adiamento do jogo devido aos incêndios.

  • SC Braga recebe o Ludogorets
    2:03

    Liga Europa

    O Sporting de Braga recebe hoje o Ludogorets. Abel Ferreira destaca a capacidade física e ofensiva do adversário e quer um Braga a jogar com intensidade para vencer o atual campeão da Bulgária.