sicnot

Perfil

Mundo

Ban Ki-moon pede tolerância e humanidade com os refugiados

O secretário-geral da Organização das Nações Unidas (ONU), Ban Ki-moon, apelou hoje à comunidade internacional para que demonstre tolerância e humanidade com o número crescente de refugiados, que alcançou níveis históricos.

© Eric Gaillard / Reuters

No Dia Mundial do Refugiado, Ban Ki-moon recordou, em comunicado, que no final do ano passado alcançou-se um recorde de refugiados, deslocados e pedidos de asilo, num total de 59,5 milhões de pessoas.

"Isto significa que um em cada 122 seres humanos é refugiado, deslocado ou está em busca de asilo", acrescentou o secretário-geral da ONU, ao recordar dados divulgados na quinta-feira pelo Alto Comissariado das Nações Unidas para os Refugiados (ACNUR).

"Eles [refugiados] tinham as suas vidas antes de serem obrigados a saírem dos seus países, e o seu maior sonho é regressar à normalidade", acrescentou Ban Ki-moon.

O responsável mencionou os conflitos na Síria, no Iraque, na Ucrânia, no Sudão do Sul, na República Centro-africana, na Nigéria e em partes do Paquistão, zonas onde se registou "um impactante aumento e aceleração" da deslocação de pessoas por razões alheias à sua vontade.

"Além disso, muitos conflitos de larga duração continuam sem se resolver e o número de refugiados capazes de regressar a casa no ano passado foi o baixo dos últimos 30 anos", acrescentou.

"Neste Dia Mundial do Refugiado, façamos valer a nossa humanidade comum, celebremos a tolerância e a diversidade e abramos os nossos corações aos refugiados do mundo inteiro", disse.










Lusa
  • Nomeados para os Óscares são anunciados hoje

    Óscares 2017

    As nomeações para a 89ª. edição dos Óscares, os prémios da Academia norte-americana de cinema, são conhecidos esta terça-feira e pela primeira vez o anúncio será feito apenas via Internet. Para ver também aqui em direto, na SIC Notícias, a partir das 13:00.

    Aqui às 13:00

  • "O Sporting é o um barco à deriva"
    2:26
    O Dia Seguinte

    O Dia Seguinte

    2ªFEIRA 21:50

    A crise do Sporting foi o principal tema em O Dia Seguinte, esta segunda-feira. José Guilherme Aguiar censura Bruno de Carvalho por ter convidado Jorge Jesus para a comissão de honra da recandidatura. Já Rogério Alves não tem dúvidas que a contestação tem aumentado de tom devido à proximidade das eleições do Sporting. Rui Gomes da Silva pensa que toda a direção leonina é responsável pelo mau momento atual do clube.

  • Deputado do PS abandona partido e pode colocar em causa maioria parlamentar
    2:28

    País

    Domingos Pereira foi eleito pelo círculo de Braga. Agora, vai demitir-se do Partido Socialista e entregar o cartão de militante. Contudo, mantém-se no Parlamento, passando assim a deputado independente na Assembleia da República. Pode estar em causa a maioria parlamentar quando o PCP se abstiver.

    Notícia SIC

  • Pedro Dias recusou mostrar caligrafia
    2:29

    País

    Pedro Dias forneceu esta segunda-feira ADN aos peritos do laboratório da polícia científica. O suspeito dos crimes de Aguiar da Beira também foi intimado a entregar amostras da própria caligrafia, mas recusou fazê-lo.

  • "Todo o mundo no voo estava a orar em voz alta"
    4:00
  • "O México não acredita em muros"
    0:45

    Mundo

    Em resposta a Donald Trump, o Presidente mexicano diz que o país não acredita em muros, mas em pontes. Enrique Peña Nieto diz ainda que o México vai procurar dialogar com os Estados Unidos sem confrontos, mas também sem submissão.

  • Governo avança com plano para a utilização da bicicleta

    País

    O ministro do Ambiente, João Pedro Matos Fernandes, anunciou esta seguda-feira em Caminha a elaboração, este ano, de um Plano Nacional para a Promoção da Bicicleta e Outros Modos de Transporte Suaves para estimular a utilização daquele meio de transporte.