sicnot

Perfil

Mundo

Papa Francisco apela ao ocidente para não tratar migrantes como mercadorias

O papa Francisco apelou hoje ao ocidente para não tratar os migrantes como "mercadorias" e denunciou as organizações mafiosas assim como a corrupção quase "normais" em Itália, durante a sua primeira visita a Turim, adiantou a agência AFP.

© Giorgio Perottino / Reuters

"O espetáculo dos últimos dias desses seres humanos tratados como mercadorias faz chorar", declarou o papa, que se dirigia a representantes laborais, na Piazzetta Reale, em Turim.

Num momento em que a União Europeia se divide sobre o acolhimento aos migrantes, o papa Francisco condenou mais uma vez as manifestações de rejeição destas pessoas, particularmente percetíveis no norte industrializado de Itália.

"Se a imigração aumenta a concorrência, os migrantes não podem ser tidos como responsáveis, uma vez que são vítimas de injustiça, de uma economia de rejeição e de guerras", disse o papa.

O sumo pontífice está em Turim para assinalar a ostensão (exposição pública) do Santo-Sudário na catedral de São João Baptista, que termina a 24 de junho.










Lusa
  • Três irmãos resgatados dos escombros em Itália
    1:24
  • Porto Editora acusada de discriminação
    2:55
  • Graça Fonseca, a primeira governante a assumir-se homossexual
    1:02

    País

    A secretária de Estado da Modernização Administrativa deu uma entrevista ao Diário de Notícias onde assume a sua homossexualidade. É a primeira vez que um governante português o faz. Graça Fonseca assume esta posição pública como uma "afirmação política".

  • Governo quer entregar OE 2018 a 13 de outubro
    1:33
  • Casa Branca isolada devido a pacote suspeito

    Mundo

    A Casa Branca foi esta terça-feira isolada devido à presença de um pacote suspeito junto a uma das vedações que limitam o edifício governamental norte-americano. A situação já foi normalizada e o objeto retirado do local.