sicnot

Perfil

Mundo

Centenas de professores manifestaram-se na capital do Chile contra as reformas na educação

Centenas de professores manifestaram-se esta quarta-feira, na capital do Chile, contra as reformas na educação que estão a ser realizadas pelo governo.

© STRINGER Chile / Reuters

Centenas de professores manifestaram-se esta quarta-feira, na capital do Chile, contra as reformas na educação que estão a ser realizadas pelo governo.

Reformas que os professores dizem ser insuficientes, e acusam o governo de não ter fechado a porta ao diálogo.

Durante o protesto, os manifestantes desafiaram as autoridades e houve confrontos na ruas do centro de Santiago.

Os professores bloquearam algumas das principais artérias em frente ao ministério da educação e a polícia recorreu a canhões de água para dispersar os manifestantes.

Estão contra o novo estatuto docente que, entre outros pontos, faz depender os aumentos salariais das avaliações de desempenho.
O sindicato dos professores fala numa reforma baseada na "desconfiança" em relação ao trabalho dos docentes.
  • Fuga de Vale de Judeus em junho de 1975 no Perdidos e Achados
    0:36

    Perdidos e Achados

    Prisão Vale de Judeus, final de tarde de domingo, dia 29 de junho de 1975. O plano da fuga terá sido desenhado por uma vintena de homens. Serrada a presiana metálica era preciso passar, para fora do edifício, as cabeceiras dos beliches onde os presos dormiam. Ao longo de cerca de uma hora 89 detidos, agentes da PIDE/DGS, a Polícia Internacional e de Defesa do Estado português extinta depois da revolução de 1974, fogem do estabelecimento prisional.

    Segunda-feira no Jornal da Noite