sicnot

Perfil

Mundo

Coreia do Norte bloqueia Instagram

Os utilizadores do Instagram da Coreia do Norte estão impedidos de aceder à rede social. O acesso às suas contas está a ser negado e surgem mesmo avisos que informam que o "site" está listado pelo Governo como tendo "conteúdo perigoso".

© Fred Prouser / Reuters

Os avisos aparecem quer se aceda à aplicação via telemóvel ou computador. 

A Internet e qualquer tipo de redes sociais estiveram fora do alcance dos norte-coreanos, mas, após 2013, o país começou a permitir que os estrangeiros no país usem 3G nos telemóveis, que, como é sabido, requerem um cartão SIM local.

Esse facto abriu a porta para a navegação na Internet e para se postar nas redes sociais como o Facebook, o Twitter e o Instagram. 
  • Escola de Vagos castiga alunos por protesto contra a homofobia e preconceito

    País

    Os alunos da Escola Secundária de Vagos, no distrito de Aveiro, organizaram um protesto contra o que consideram homofobia e preconceito. Segunda-feira, depois de duas alunas se terem beijado foram chamadas à direção da escola, que as terá informado que não podiam beijar-se em público. O protesto foi gravado e partilhado nas redes sociais. Em declarações à SIC Notícias, um dos alunos disse que todos os envolvidos no protesto vão ser alvos de um processo disciplinar. O Bloco de Esquerda já pediu esclarecimentos ao Ministério da Educação.

    EXCLUSIVO

    Rita Pedras

  • Greve na Função Pública vai afetar escolas, saúde e cultura

    País

    A greve nacional convocada para sexta-feira pela Federação Nacional dos Sindicatos da Função Pública (FNSTFPS) deverá afetar as escolas, a área da saúde e ainda da cultura, entre outros serviços, afirmou esta quarta-feira a dirigente sindical, Ana Avoila.

  • Marcelo comenta comparação de Centeno a Ronaldo

    País

    O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, comentou esta quarta-feira a comparação que o ministro das Finanças alemão terá feito entre Mário Centeno e Ronaldo, considerando que "quem quer que disse isso, por uma vez não pensou mal".