sicnot

Perfil

Mundo

Washington acusa Caracas de corrupção e de violações dos direitos humanos

Washington divulgou hoje um relatório sobre os direitos humanos, no qual destaca que Caracas é um exemplo emblemático da relação entre "corrupção", "violações dos direitos humanos" e "governos repressivos". 

© Jorge Lopez / Reuters

Segundo a imprensa venezuelana, o relatório sublinha que essa relação é vista pelo Departamento de Estado norte-americano como "uma das principais tendências globais" registadas "durante o último ano".

"Forças de segurança e grupos pró-governamentais violaram direitos humanos de manifestantes em várias cidades do país, entre fevereiro e maio de 2014", afirma o diário venezuelano El Universal, citando o documento.

Segundo o jornal, "o relatório regista denúncias sobre o uso da força para dissolver protestos, detenções arbitrárias e tortura" e acrescenta que o Governo venezuelano "usou o poder para levar líderes da oposição a julgamento".

Por outro lado a Unión Rádio explica que em 2014 o Governo do Presidente Nicolás Maduro "deteve e prendeu várias figuras da oposição, bloqueou meios de comunicação e intimidou jornalistas, mediante o uso de ameaças, multas, toma de propriedades, regulações (leis) feitas à medida e investigações criminosas".

Entre os opositores detidos o Departamento de Estado dos EUA faz referência aos políticos Leopoldo López, Enzo Scarano e Daniel Ceballos, afirmando que "os seus julgamentos têm sido regularmente atrasados".






Lusa
  • 105 detidos pela PSP e GNR nas últimas 24 horas

    País

    Só a GNR deteve 64 pessoas em flagrante delito, entre a noite de sexta-feira e o início da manhã deste sábado, a maioria das quais (47) por condução sob o efeito do álcool. A PSP de Lisboa efetuou 41 detenções em 24 horas, dez por tráfico de droga.

  • Videoamador mostra grupo a atar tocha a um touro
    1:33
  • PJ investiga forma como o FC Porto obteve os e-mails
    1:58

    Desporto

    Enquanto o campeonato português de futebol está de férias do relvado, nos bastidores continua uma guerra aberta por causa dos e-mails. O FC Porto entregou à Polícia Judiciária toda a documentação disponível do chamado caso dos e-mails, que envolve o Benfica num alegado esquema de corrupção. O pedido foi feito pela Unidade Nacional de Combate à Corrupção da PJ. A forma como o FC Porto obteve os e-mails também está a ser investigada pela Polícia Judiciária.

  • Manifestantes bloquearam Caracas

    Mundo

    Milhares de pessoas bloquearam esta sexta-feira as ruas de Caracas e de outras cidades, em protesto contra a repressão e o assassinato de manifestantes pelas forças de segurança.