sicnot

Perfil

Mundo

Cinco detidos em confrontos violentos em Hong Kong

A polícia deteve cinco pessoas e usou gás pimenta para dispersar confrontos violentos em Hong Kong, na noite de domingo, quando um grupo de locais protestou contra outro que cantava em mandarim.

© Tyrone Siu / Reuters

Quatro homens e uma mulher, com idades entre os 23 e os 55, foram detidos e um agente policial ficou ferido, de acordo com o jornal South China Morning Post.

Dezenas de manifestantes anti-China protestaram contra os músicos, que habitualmente se reúnem na zona de Sai Yeung Choi Street South e acusaram-nos de causar incómodo na zona.

À medida que a notícia do protesto se espalhou, grupos rivais patrióticos chegaram ao local, gerando rapidamente um confronto aceso, primeiro com troca de palavras e depois escalando para agressões.

A polícia recorreu a barricadas metálicas para tentar separar os dois grupos. A situação tornou-se particularmente violenta quando as autoridades tiraram um homem do local e o levaram para um veículo policial.

Os chamados 'localists' -- que o jornal descreve como um grupo radical marcado pelo sentimento anti-China e pelo desejo de resistir a qualquer influência de Pequim -- rodearam o carro e a polícia lançou, em resposta, gás pimenta, atingindo várias pessoas.

Os confrontos estenderam-se, mais tarde, para a Mong Kok Road, onde a polícia voltou a usar gás pimenta.


Lusa
  • 10 Minutos com Leonor Beleza
    10:27

    10 Minutos

    A nossa convidada desta segunda-feira ainda é conhecida por ter sido ministra da Saúde e pelo seu trabalho à frente da Fundação Champalimaud. Mas desta vez vamos falar com Leonor Beleza sobre os 40 anos da revisão do Código Civil, em que esteve envolvida.

    Entrevista completa