sicnot

Perfil

Mundo

Cinco suspeitos de ajudar terrorista apresentados perante a justiça no Kuwait

O Ministério do Interior do Koweit apresentou hoje perante a justiça cinco homens suspeitos de terem ajudado o terrorista saudita que perpetrou o atentado suicida contra uma mesquita xiita do país na sexta-feira, segundo fonte oficial. 

Os serviços de segurança do Kuwait realizaram um número indeterminado de detenções depois de um ataque suicida durante as orações semanais de sexta-feira na mesquita al-Imam al-Sadeqque, que fez 26 mortos e 227 feridos.

Os serviços de segurança do Kuwait realizaram um número indeterminado de detenções depois de um ataque suicida durante as orações semanais de sexta-feira na mesquita al-Imam al-Sadeqque, que fez 26 mortos e 227 feridos.

© Stringer . / Reuters

"Apresentámos perante o procurador-geral cinco suspeitos acusados de ter ajudado o 'kamikaze'", declarou à agência France Presse (AFP), sob anonimato, um responsável dos serviços de segurança. 

Os suspeitos são o condutor que transportou o terrorista até à mesquita, o proprietário do veículo e o seu irmão (ambos apátridas) e o proprietário da casa onde se escondeu o terrorista e o seu irmão, os dois cidadãos do Kuwait.

"Mais suspeitos serão posteriormente levados à justiça", acrescentou o responsável. 

Os serviços de segurança do Kuwait realizaram um número indeterminado de detenções depois de um ataque suicida durante as orações semanais de sexta-feira na mesquita al-Imam al-Sadeqque, que fez 26 mortos e 227 feridos. 

As autoridades do país "reexaminaram os planos e as medidas de segurança" depois do ataque, indicou o mesmo responsável, e a segurança foi reforçada em particular em redor de mesquitas.

O Ministério do Interior do Koweit identificou no domingo o bombista como sendo Fahd Souleiman Abdel Mohsen al-Qabaa, nascido na Arábia Saudita em 1992.

O terrorista entrou no país através do aeroporto do Kuwait na sexta-feira, no mesmo dia do ataque, depois de passar pelo Bahrein. 

Um vídeo divulgado hoje pelo grupo "Estado Islâmico" mostra o jovem antes do atentado, ameaçando outros ataques futuros do grupo contra a população xiita do Kuwait.

Citado pela AFP, o chefe da comissão parlamentar das finanças, Adnan Abdel Samad, informou que o parlamento aprovou o pedido do governo de um pacote orçamental de 400 milhões de dólares (358 milhões de euros) destinado a despesas ligadas à "situação que prevalece" após o atentado.
  • Atentado no Kuweit faz 25 mortos e mais de 200 feridos
    1:19

    Mundo

    Um ataque, provocado por um bombista suicida, atingiu, esta sexta-feira, uma mesquita xiita na capital do Kuwait. Pelo menos 25 pessoas morreram e mais de 200 ficaram feridas. O atentado foi reivindicado pelo auto-proclamado Estado Islâmico. As imagens podem ser consideradas violentas e impressionar as pessoas mais sensíveis.

  • Identificado bombista suicida no Kuwait e detido motorista

    Mundo

    As autoridades do Kuwait identificaram o bombista suicida que, na sexta-feira, matou 26 pessoas e feriu outras 227 numa mesquita na capital. De acordo com a investigação, o terrorista era um cidadão saudita que chegou ao país no próprio dia do ataque. A polícia deteve dois presumíveis cúmplices. 

  • Jovens adoptados e filha do líder da IURD com versões diferentes dos acontecimentos
    4:06

    País

    Os jovens adoptados e a filha do bispo Edir Macedo, que alegadamente os adoptou, têm versões diferentes sobre o que aconteceu. Vera e Luís Katz garantem que foram adoptados por uma família norte-americana, com que viveram até aos 20 anos. Viviane Freitas, filha do líder da Igreja Universal do Reino de Deus, conta que foi mãe das crianças durante três anos, apesar de lhe ter sido negada a adopção.

  • Cabecilha da seita Verdade Celestial é "mentiroso, egocêntrico e psicótico"
    2:22

    País

    O cabecilha da seita "Verdade Celestial" foi condenado a 23 anos de pena de prisão por abusos sexuais de crianças e adolescentes. O juiz diz que o cabecilha do grupo era mentiroso patológico, egocêntrico, impulsivo e com personalidade psicótica. Dos oito acusados, duas mulheres foram absolvidas e seis arguidos foram condenados a penas efetivas. A rede de abusadores foi desmantelada há dois anos, numa quinta de Palmela.

  • Mau tempo obriga ao cancelamento de centenas de voos na Europa
    1:21
  • Antigos quadros da Facebook declaram-se preocupados com efeitos da rede social

    Mundo

    Alguns dos antigos quadros da empresa Facebook estão a começar a exprimir sérias dúvidas sobre a rede social que ajudaram a criar, foi noticiado. A Facebook explora "uma vulnerabilidade na psicologia humana" para criar dependência entre os seus utilizadores, afirmou o primeiro presidente da empresa, Sean Parker, num fórum público.