sicnot

Perfil

Mundo

França confirma ligações do autor de atentado em fábrica de Lyon ao Estado Islâmico

O Ministério Público francês confirmou hoje que o homem que decapitou o seu chefe e tentou fazer explodir uma fábrica de gás perto de Lyon na sexta-feira tinha "motivos terroristas" e ligações ao grupo extremista Estado Islâmico (EI).  

Yassin Salhi foi detido após o ataque

Yassin Salhi foi detido após o ataque

© Emmanuel Foudrot / Reuters

"O ataque de sexta-feira cometido por Yassin Salhi decorreu de ordens provindas do grupo Estado Islâmico", disse à agência de notícias francesa AFP o responsável do Ministério Público parisiense, Francois Molin, acrescentando que o atentado se enquadrou no género "operação mártir", para além de motivos pessoas que levaram Salhi a decapitar o seu chefe. 

Yassin Salhi, 35 anos e pai de três filhos, confessou ter decapitado na passada sexta-feira o seu patrão na fábrica de embalagens onde trabalhava há vários meses e, tentado fazer explodir uma fábrica de material químico na localidade de Saint-Quentin-Fallavier, a poucos quilómetros de Lyon, terceira cidade de França. 

Para além da vítima decapitada o atentado provocou dois feridos. 

  • Vigília à porta da Autoeuropa contra novo horário
    1:13

    País

    Alguns trabalhadores da Autoeuropa fizeram este domingo uma vigília junto à fábrica, contra a imposição do novo horário de trabalho, que começa em fevereiro. Os trabalhadores estão contra essa obrigatoriedade e dizem que é ilegal porque não cumpre as 35 horas de descanso entre turnos.

  • Krovinovic não joga mais esta época

    Desporto

    O futebolista croata Filip Krovinovic lamentou este domingo a lesão nos ligamentos do joelho direito, sofrida no sábado na receção do Benfica ao Desportivo de Chaves (3-0), assumindo a confiança na conquista do quinto campeonato consecutivo pelo clube.

  • Marco Silva despedido do comando técnico do Watford

    Desporto

    O treinador português Marco Silva deixou o comando técnico do Watford, anunciou o 10.º classificado da Liga inglesa de futebol no seu sítio na Internet. "Foi uma decisão difícil e não foi tomada de ânimo leve. O clube está convencido de que a contratação de Marco Silva foi a correta e não fosse a abordagem indesejada de um rival da 'Premier League', continuaríamos a prosperar sob o seu comando", lê-se no comunicado do clube.

  • Waris estreia-se nos treinos do FC Porto

    Desporto

    O avançado ganês Majeed Waris, emprestado pelos franceses do Lorient, treinou este domingo pela primeira vez com o plantel do FC Porto, anunciou o líder da I Liga portuguesa de futebol no seu sítio oficial na Internet.