sicnot

Perfil

Mundo

Vítimas britânicas de atentado na Tunísia começam a ser repatriadas

As vítimas britânicas dos atentados da passada sexta-feira, na Tunísia, começaram a ser repatriadas. As urnas com os corpos de 8 dos 30 britânicos que morreram em Sousse chegaram esta quarta-feira, a bordo do avião militar C-17 da Força Aérea.

O desembarque, na base militar de Brize Norton, no sudeste de Inglaterra, teve guarda de honra, num ato de cerimónia solene que deve repetir- se nos próximos dias.

O desembarque, na base militar de Brize Norton, no sudeste de Inglaterra, teve guarda de honra, num ato de cerimónia solene que deve repetir- se nos próximos dias.

© POOL New / Reuters

O desembarque, na base militar de Brize Norton, no sudeste de Inglaterra, teve guarda de honra, num ato de cerimónia solene que deve repetir- se nos próximos dias, à medida que os procedimentos para repatriar as vítimas na Tunísia estejam cumpridos e os corpos possam seguir para os países de origem, para que os funerais tenham lugar.


Tal deve acontecer também no caso da vítima portuguesa, Maria da Glória Moreira, embora a trasladação tenha sido adiada esta semana.

  • Fuga de Vale de Judeus em junho de 1975 no Perdidos e Achados
    0:36

    Perdidos e Achados

    Prisão Vale de Judeus, final de tarde de domingo, dia 29 de junho de 1975. O plano da fuga terá sido desenhado por uma vintena de homens. Serrada a presiana metálica era preciso passar, para fora do edifício, as cabeceiras dos beliches onde os presos dormiam. Ao longo de cerca de uma hora 89 detidos, agentes da PIDE/DGS, a Polícia Internacional e de Defesa do Estado português extinta depois da revolução de 1974, fogem do estabelecimento prisional.

    Segunda-feira no Jornal da Noite