sicnot

Perfil

Mundo

Falha de motor é a causa provável do acidente aéreo na Indonésia

A força aérea da Indonésia revelou hoje que uma falha do motor terá estado na origem do acidente do avião militar que se despenhou, na terça-feira, num bairro residencial em Medan, na ilha de Samatra, fazendo 142 mortos.

© Roni Bintang / Reuters

 

Um comandante da força aérea indonésia, Agus Dwi Putranto, disse aos jornalistas que, segundo dados de uma investigação preliminar, o avião, um Hercules C-130, voava muito lentamente devido a um problema num dos quatro motores.

"É provável que uma hélice tenha parado. O avião, que voava muito lentamente, fez uma guinada à direita e embateu contra a antena de um edifício", explicou o mesmo responsável.

O piloto pediu para regressar à base, o que "significa que tinha um problema", acrescentou.

Pouco depois de partir de uma base aérea em Medan, o aparelho, com 122 pessoas a bordo, caiu num bairro residencial, deixando edifícios em ruínas e reduziu automóveis a destroços em chamas na cidade de cerca de dois milhões de habitantes.

 

Lusa

  • Presidente da Proteção Civil demitiu-se

    País

    O Presidente da Autoridade Nacional da Proteção Civil (ANPC), Joaquim Leitão, pediu esta quarta-feira a demissão com efeitos imediatos. A carta de demissão foi enviada para o Ministério da Administração Interna, no entanto, uma vez que a ministra também se demitiu, o documento seguiu para o gabinete do primeiro-ministro, António Costa.

  • "Foi um golpe muito forte"
    1:41
  • Não me parece o melhor princípio político, mas percebo que António Costa queira ter junto de si, sobretudo em tempos difíceis, os mais próximos. Os homens de confiança pessoal e política. Em plena tempestade, o primeiro-ministro chamou dois amigos de longa data, ex-colegas da Faculdade de Direito, Eduardo Cabrita e Pedro Siza Vieira. E eles não disseram que não.

    Bernardo Ferrão

  • SIC acompanhou Francisco George no último dia como diretor-geral da Saúde
    6:20