sicnot

Perfil

Mundo

Papa diz que não se pode continuar a virar costas aos mais necessitados e à Terra-Mãe

O papa Francisco avisou que não se pode continuar a virar as costas aos mais necessitados e "à Terra-Mãe", durante o discurso que pronunciou na terça-feira na Universidade Pontifícia de Quito a estudantes e professores. 

© Alessandro Bianchi / Reuters

Este foi o seu primeiro discurso dedicado ao tema da importância da defesa da ecologia, que foi o tema central da sua recente encíclica "Laudato Si" (Louvado Seja), mas também apelou ao mundo da educação para que dê a sua contribuição. 

"Não podemos continuar a virar as costas à nossa realidade, aos nossos irmãos, à nossa Mãe, a Terra", exclamou. 

Insistindo neste ponto, o papa acrescentou: "Não nos é permitido ignorar o que está a acontecer à nossa volta, como se determinadas situações não existissem ou não tivessem a ver com a nossa realidade". 

O papa Francisco lamentou que "a morte de um sem-abrigo nos arredores (da basílica) de São Pedro não é notícia, mas se a bolsa de um país poderoso cai três pontos sai nos noticiários". 

Jorge Bergoglio disse que, como reiterou na "Laudato Si", a defesa do ambiente "já não é uma mera recomendação, mas uma exigência que nasce do dano provocado pelo uso irresponsável e dos abusos dos bens que Deus pôs na Terra". 

Citando a encíclica, onde exprimiu a posição da Igreja sobre as alterações climáticas, o papa alertou: "O ambiente humano e o natural degradam-se em conjunto e não se pode enfrentar adequadamente a degradação humana e social se não se prestar atenção às suas causas". 

Lusa

  • Novas buscas no Universo Espírito Santo

    Queda do BES

    O Ministério Público voltou a fazer buscas no âmbito dos processos do Universo Espírito Santo. A SIC sabe que ontem e hoje os investigadores recolheram provas em diversos locais do continente e também na Madeira, nomeadamente em residências, empresas e entidades bancárias.

    Notícia SIC

  • Visitar a região afetada pelo fogos é uma forma de ajudar na recuperação
    3:07
  • Carvalhal do Sapo tenta recuperar a vida normal após incêndio
    2:33

    País

    As populações das aldeias de Góis tentam voltar à normalidade, ao fim de vários dias rodeadas por um grande dispositivo de operacionais. A repórter Cristina Freitas esteve hoje em Carvalhal do Sapo, onde se realizou mais um funeral de uma das vítimas do incêndio de Pedrógão Grande.

  • Falta de médicos e de ofertas de emprego preocupa habitantes da Guarda
    5:13
  • "Do ponto de vista interno a candidatura do Porto é a melhor" 
    0:50

    País

    António Costa admite que a candidatura da cidade do Porto para receber a Agência Europeia do Medicamento seria a melhor para Portugal. No entanto o primeiro-ministro diz que é preciso avaliar se a candidatura do Porto é a que tem mais hipóteses de ganhar, quando comparada com outras cidades europeias. 

  • Depois da "provocação", o acidente em cadeia
    0:43