sicnot

Perfil

Mundo

Vidal fica dois anos sem carta devido a acidente durante Copa América

O futebolista chileno Arturo Vidal aceitou entregar a carta de condução por um período de dois anos e evitou ser julgado por conduzir embriagado e ter estado envolvido num acidente de automóvel durante a Copa América.

Além da acusação de conduzir sob o efeito de álcool, o tribunal considerou que Arturo Vidal desrespeitou a autoridade, devido aos insultos proferidos contra os polícias que se deslocaram ao local do acidente.

Além da acusação de conduzir sob o efeito de álcool, o tribunal considerou que Arturo Vidal desrespeitou a autoridade, devido aos insultos proferidos contra os polícias que se deslocaram ao local do acidente.

© Ivan Alvarado / Reuters

De acordo com fontes judiciais citadas pela agência EFE, o jogador, que foi ouvido hoje em tribunal, aceitou o arquivamento do processo em troca da apreensão da carta por um período de dois anos.

Além da acusação de conduzir sob o efeito de álcool, o tribunal considerou que Arturo Vidal desrespeitou a autoridade, devido aos insultos proferidos contra os polícias que se deslocaram ao local do acidente.

Vidal comprometeu-se a indemnizar o condutor do outro veículo envolvido no acidente e a doar material desportivo a uma escola em Buin, a localidade onde ocorreu o acidente.

Além disso, Arturo Vidal comprometeu-se a doar uma camisola autografada da seleção chilena, que venceu a Copa América, aos bombeiros de Buin, para que a mesma possa ser sorteada numa ação de angariação de fundos.

O juiz pediu ao jogador da Juventus que apresentasse um pedido de desculpas aos polícias aos quais chamou "vendidos" logo após o acidente. 

A 16 de junho, Vidal, que viajava acompanhado pela mulher, sofreu um aparatoso acidente quando regressava a Santiago do Chile, depois de um dia de descanso.

O jogador, que conduzia sob o efeito de álcool, acabou por passar a noite numa esquadra, voltando depois à concentração da seleção chilena, após um pedido de desculpas ao selecionador Jorge Sampaoli.

Lusa

  • Arturo Vidal sofre acidente de viação alcoolizado
    0:40

    Desporto

    O chileno Arturo Vidal foi detido na sequência de um acidente de viação quando conduzia sob o efeito de álcool. Depois de um dia de folga, o jogador estava de regresso à concentração da seleção do Chile quando sofreu um aparatoso acidente que envolveu mais três carros. Vidal e a mulher sofreram apenas sofreram ferimentos ligeiros. A polícia assegura que o jogador foi apanhado com 1.2 gramas de álcool no sangue e arrica-se agora a uma multa pesada. As causas do acidente também estão a ser investigadas.

  • António Costa evita perguntas sobre estágios não remunerados
    1:55
  • "É evidente que não fecho a porta ao Eurogrupo"
    1:38

    Economia

    O ministro das Finanças diz que não fecha a porta ao Eurogrupo. A declaração é feita numa entrevista ao semanário Expresso. No entanto, Mário Centeno deixa a ressalva que qualquer ministro das Finanças do Eurogrupo pode ser presidente.

  • Trump adia decisão sobre permanência nos acordos de Paris
    1:48
  • Raízes de ciência e rebentos de esperança
    14:14
  • Portugal pode ser atingido por longos períodos de seca

    País

    Portugal e Espanha podem ser atingidos até 2100 por 'megasecas', períodos de seca de dez ou mais anos, segundo os piores cenários traçados num estudo da universidade britânica Newcastle, que tem a participação de uma investigadora portuguesa.