sicnot

Perfil

Mundo

Morreu presidente da Nintendo, Satoru Iwata, aos 55 anos

O presidente da Nintendo, Satoru Iwata, morreu, este sábado, aos 55 anos, vítima de cancro, informou este domingo a empresa de videojogos com sede em Quioto, no oeste do Japão, em comunicado.

Satoru Iwata, que se iniciou como programador, tornou-se o quarto presidente da Nintendo, em 2002, dois anos após ter entrado na firma. (Arquivo)

Satoru Iwata, que se iniciou como programador, tornou-se o quarto presidente da Nintendo, em 2002, dois anos após ter entrado na firma. (Arquivo)

© Toru Hanai / Reuters

Satoru Iwata, que se iniciou como programador, tornou-se o quarto presidente da Nintendo, em 2002, dois anos após ter entrado na firma.

Nascido em Sapporo em 1959 e licenciado em Computação pelo Instituto Tecnológico de Tóquio, Satoru Iwata sucedeu a Hiroshi Yamauchi (1927-2013), figura que transformou uma empresa regional num gigante do entretenimento eletrónico.

Iwata impulsionou nomeadamente o lançamento da consola Wii, colocada no mercado em 2006, que foi um dos maiores êxitos comerciais na história da empresa japonesa de videojogos.

Lusa

  • Vidas de fogo
    12:04

    Reportagem Especial

    Este ano durante o período mais crítico dos fogos, estão no terreno quase dez mil operacionais, a maioria bombeiros voluntários. A Reportagem Especial da SIC deste domingo "Vidas de fogo" dá a conhecer histórias de bombeiros que sobreviveram às chamas enquanto serviam o país.

  • Portugal "precisa avançar no trabalho" para reduzir crédito malparado
    1:36

    Economia

    Bruxelas recomenda e insiste que o Governo português avance no trabalho para resolver o crédito malparado. Em entrevista à SIC e ao Expresso, o vice-Presidente da Comissão para o Euro e Estabilidade Financeira, Valdis Dombrovskis, adianta que Bruxelas está também a preparar um Plano de Ação ao nível europeu.

    Entrevista SIC/Expresso

  • Líder do Daesh abatido durante fuga

    Daesh

    Um líder do Daesh e o assistente foram abatidos pela polícia iraquiana, em Mossul. A notícia é avançada pela agência EFE que esclarece que os dois homens terão sido mortos enquanto fugiam do Oeste para Este da cidade iraquiana através do rio Tigre.